Campinas fará testagem em massa para traçar perfil da transmissão da Covid-19
Divulgação/Unicamp
Campinas fará testagem em massa para traçar perfil da transmissão da Covid-19


Campinas  fará testes de Covid-19 em 1.700 cidadãos para estimar o nível de transmissão do vírus nas regiões da cidade. O processo de testagem será aplicado pelo Departamento de Vigilância Sanitária (Devisa),  em parceria com a Unicamp , e deve começar na próxima semana. 

"Vai ser feita uma amostragem, distribuída proporcinalmente na nossa cidade, de acordo com a característica social de cada cidadão. São 1.700 amostras. Serão feitos exames para que a gente consiga ter noção sobre qual o nível de transmissão”, explicou Wanderley de Almeida, secretário de Relações Institucionais, em coletiva na tarde desta terça-feira (02).

Os testes serão feitos em casas de diferentes regiões da cidade, por profissionais da saúde identificados, e as pessoas que serão testadas foram sorteadas por um programa de computador. A expectativa da prefeitura é que o resultado saia em uma semana após o início da testagem.

Leia também: Covid-19: Campinas registra mais 134 casos e chega a 1.869, com 80 mortes

Estudo anterior

Uma pesquisa feita em Campinas pela Universidade Federal de Pelotas, junto com o Ibope, identifciou uma taxa de contaminação de 0.84%, o que indica, segundo a proporção em relação ao número de habitantes, a existência de 10.114 casos.

Na ocasião, foram testadas apenas 237 pessoas, por isso houve uma movimentação para realizar uma nova testagem, agora organizada por órgãos da cidade e com maior amostragem. 

    Veja Também

      Mostrar mais