Campinas continua com leitos de UTI do SUS municipal lotados
Reprodução
Campinas continua com leitos de UTI do SUS municipal lotados


Campinas registrou nesta segunda-feira (22) 89,2% de ocupação nos leitos de unidade de terapia intensiva ( UTI ), na soma da rede privada com o Sistema Universal de Saúde (SUS). De 334 vagas, apenas 37 estão livres para internação de novos pacientes.

A situação mais crítica é no SUS municipal , que está com 100% de ocupação nos 119 leitos de UTI dos hospitais Ouro Verde e Mário Gatti, situação que se estende desde o dia 13. No SUS estadual , apenas sete estão disponíveis, com 65 ocupados do total de 72, taxa de 90% de ocupação.

Leia também: Covid-19: Campinas registra mais 350 contaminados e quatro mortes

Enquanto isso, a rede privada, que conta com o total de 152 leitos de unidade de terapia intensiva, tem 122 ocupados, o que equivale a 80%.

Existe uma expectativa de que novos leitos, 50 de UTI e 137 de retaguarda, sejam distribuídos entre as unidades do SUS estadual e municipal . A Prefeitura ainda tenta resolver uma questão jurídica para poder utilizar o Hospital Metropolitano, que estava parado desde março e vai operar com 15 leitos de UTI e 28 de retaguarda.

    Veja Também

      Mostrar mais