Número de casos de Covid-19 continua aumentando em Campinas
Divulgação/HC Unicamp
Número de casos de Covid-19 continua aumentando em Campinas


Campinas registrou, entre terça (23) e quarta-feira (2) mais 406 contaminados pelo novo coronavírus , acréscimo que eleva para 6.415 o total de casos confirmados na cidade. Já o número de mortes causadas pela Covid-19 subiu para 253, com a confirmação de 17 novos óbitos. As informações foram divulgadas em boletim matinal da Prefeitura.

Entre as vítimas, três tinham menos de 60 anos, mas apresentavam outras doenças antes de serem contaminadas: um homem de 48 anos, que morreu em hospital público, no dia 11 de junho; um homem de 52 anos, que morreu no dia 23 de junho em hospital público; um homem de 46 anos, que morreu no dia 11 de junho em hospital público.

Leia também: Secretário de Segurança Pública é diagnosticado com Covid-19

Veja os números divulgados nesta quarta-feira (24):

- 253 óbitos (17 novos)
- 33 óbitos em investigação (3 novos)
- 6.415 casos confirmados (406 novos)
- 573 casos em investigação (20 novos)
- 10.150 descartados (461 novos)
- 4.749 recuperados (283 novos)
- 332 internados (24 novos)
- 1.081 em isolamento domiciliar (82 novos)

Detalhes dos novos óbitos confirmados:

- Mulher, de 81 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 4 de junho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 69 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 19 de junho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 77 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 20 de junho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 72 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 21 de junho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 48 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 11 de junho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 91 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 12 de junho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 86 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 16 de junho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 81 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 17 de junho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 77 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 21 de junho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 72 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de junho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 70 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de junho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 63 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de junho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 89 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 23 de junho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 85 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 23 de junho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 52 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 23 de junho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 80 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 16 de junho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 46 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 11 de junho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

    Veja Também

      Mostrar mais