Antonio Santos,O Politizador, morreu em casa, aos 78 anos
Divulgação/Câmara Municipal de Campinas
Antonio Santos,O Politizador, morreu em casa, aos 78 anos


Ex-vereador de Campinas , Antonio Francisco dos Santos , conhecido como “O Politizador”, foi encontrado morto durante a tarde de terça-feira (30), dentro do próprio aparamento, no Centro. De acordo com a Polícia Civi l, a perícia realizada no local não identificou nenhum sinal de crime. A causa da morte ainda está sendo apurada.

Antes conhecido como “Tonhão da Rapadura” , quando vendia doces nas ruas da região central da cidade, Santos ganhou a alcunha de “O Politizador”, a partir do momento em que começou a circular com um megafone, protestando contra políticos e fazendo reivindicações.

Leia também: STJ permite que Prefeitura de Campinas mantenha comissionados

O ex-vereador é bastante lembrado pelo episódio em que fez uma greve de fome no Largo do Rosário , em 1983, em protesto contra o aumento do IPTU. Depois disso, realizou marchas solitárias (cinco para Brasília, uma ao Rio Grande do Sul e outra au Chuí) para reivindicar ou divulgar causas políticas.

Carreira política

Eleito para a Câmara dos vereadores em 2008, pelo PMN, Antonio Francisco dos Santos exerceu a vereança de 2009 a 2012. Neste período, apresentou mais de 500 propostas e protocolou 41 projetos de lei.

Em 2011, na eleição indireta para a Prefeitura de Campinas , em decorrência da cassação do então prefeito Demétrio Vilagra, lançou a própria candidatura ao cargo. Na ocasião, o presidente da Câmara Pedro Serafim acabou eleito para o mandato tampão.

    Veja Também

      Mostrar mais