Palácio dos Jequitibás durante desinfeção para conter o novo coronavírus.
Divulgação/Prefeitura de Campinas
Palácio dos Jequitibás durante desinfeção para conter o novo coronavírus.


O prazo para a realização de convenções partidárias terminou nesta quarta-feira (16), e as candidaturas à Prefeitura de Campinas  foram definidas, com os últimos concorrentes oficializados ao longo da terça-feira, quando ocorreram três convenções. A cidade tem 13 nomes para a disputa do Palácio dos Jqueitibás.

Agora, cada chapa tem até o dia 26 de setembro para registrar a candidatura na Justiça Eleitoral. A partir daí, começam também as propagandas eleitorais. Antes previstas para os dia 4 (primeiro turno) e 25 de outubro (segundo turno), as eleições municipais foram adiadas para 15 e 29 de novembro, em razão da pandemia de Covid-19.  

Veja os 13 nomes que vão disputar o Palácio dos Jequitibás:

Ahmed Tarique (PMN)
Vice: Aristides Ferreira (PMN)

Formado em Ciências Sociais e marketing, Ahmed Tarique tem 27 anos e vai disputar uma eleição pela primeira vez. Professor do Estado de São Paulo e consultor político, ele é o presidente do Partido da Mobilização Nacional (PMN) em Campinas.

Ahmed Tarique.
Divulgação.
Ahmed Tarique.






Alessandra Ribeiro (PCdoB)
Vice: João Carlos Lourenço (PCdoB)

Doutora em urbanismo pela PUC-Campinas, a candidata é Mãe de Santo Umbandista e mestra da Comunidade Jongo Dito Ribeiro, batizada desta maneira em homenagem ao avô dela, Benedito Ribeiro. Além disso, exerce a função de gestora na Casa de Cultura Fazenda Roseira, sede da Comunidade.

Alessandra Ribeiro
Divulgação/PCdoB
Alessandra Ribeiro


André von Zuben (Cidadania)
Vice: Valéria Monteiro (REDE)

Vereador eleito em 2012 e 2016, André von Zuben foi secretário do Desenvolvimento Econômico, Social e do Turismo de 2017 até junho de 2020, quando deixou a pasta para concorrer às eleições. Com isso, reassumiu o cargo de vereador.

André von Zuben.
ig
André von Zuben.


Artur Orsi (PSD)
Vice: Capitão Pereira (PSD)

Orsi é advogado formado pela PUC-Campinas e foi vereador por três mandatos consecutivos, eleito pela primeira vez em 2004. Ele deixou a Câmara Municipal após concorrer à Prefeitura em 2016, quando ficou em segundo lugar, com 15,43% dos votos contra 65,43% do atual prefeito Jonas Donizette (PSB), ainda no primeiro turno.

Artur Orsi.
Divulgação
Artur Orsi.


Dário Saadi (Republicanos)
Vice: Wandão (PSB)

Dário Saadi deixou a secretária de Esportes no início de junho. Médico urologista, Saadi foi vereador por quatro mandatos, entre 1995 e 2012. Também foi presidente do Hospital Municipal Mário Gatti. Ele foi filiado ao Solidariedade até o final do ano passado. Antes, integrava o PSDB.

Dário Saadi.
Divulgação
Dário Saadi.


Delegada Teresinha (PTB)
Vice: Marco Aurélio Solto (PTB)

Primeira delegada de Defesa da Mulher de Campinas, em 1988, Teresinha de Carvalho é professora da Academia de Polícia Civil (ACADEPOL) e palestrante. De 2001 a 2008, foi vereadora na Câmara Municipal de Campinas por dois mandados consecutivos, com atuação focada no combate à violência doméstica.

Delegada Teresinha.
ig
Delegada Teresinha.


Dr. Hélio (PDT)
Vice indefinido

Ex-prefeito de Campinas, Dr. Hélio foi eleito duas vezes seguidas,em 2004 e 2008, mas não terminou o segundo mandato porque foi cassado em 2011, ano que seria o penúltimo da gestão. Na ocasião, o político foi acusado de omissão diante de um esquema de fraude em licitações da Sanasa, que, segunda as investigações, contava com participação da esposa dele, Rosely Santos.

Dr. Hélio.
Reprodução/Facebook
Dr. Hélio.



Edson Dorta (PCO)
Vice: Larissa Leonetti (PCO)

Formado em direito, Edson Dorta trabalha nos Correios desde 1994 e foi secretário-geral da Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos (Fentect) em 2003 e 2012. Concorreu ao cargo de prefeito de Campin, em 2016, e foi candidato a vice-presidente pelo PCO, em 2010.

Edson Dorta.
Divulgação
Edson Dorta.


Laural Leal (PSTU)
Vice: José Freitas Júnor (PSTU)

Petroleira desde 2002, Laural Leal trabalha na Refinaria de Paulínia (Replan) e já ocupou o cargo de presidente do PSTU Campinas, partido do qual é tesoureira. Além disso, foi candidata a deputada estadual nas eleições nacionais de 2014 e a vereadora nas eleições municipais de 2016.

Laura Leal.
Reprodução
Laura Leal.


Pedro Tourinho (PT)
Vice: Edilene Santana (PSOL)

Pedro Tourinho está no segundo mandato como vereador. Ele é médico sanitarista, especialista em Medicina Preventiva e Social na Unicamp e professor de Medicina de Família na PUC-Campinas. Foi membro do Conselho Nacional de Saúde, da Associação dos Médicos Residentes do Estado de São Paulo e do Centro Brasileiro de Estudos em Saúde.

Pedro Tourinho.
Reprodução/Facebook
Pedro Tourinho.


Rafa Zimbaldi (PL)
Vice: Anna Beatriz Sampaio (PSDB)

Rafael Zimbaldi era filiado ao PSB, partido do prefeito Jonas Donizette, até abril, mas trocou a sigla pelo PL após disputas internas. Com passagens também por PTB e PP, Zimbaldi foi vereador por quatro mandatos, mas o último foi interrompido quando ele foi eleito deputado estadual.

Rafa Zimbaldi.
ig
Rafa Zimbaldi.


Rogério Menezes (PV)
Vice: Adalberto Maluf (PV)

Ex-secretário do Meio Ambiente do atual governo, Menezes deixou o cargo em jungo. Esta será a segunda vez que ele tenta ser prefeito, após concorrer em 2012. Antes disso, foi secretário adjunto de Saneamento e Recursos Hídricos do Estado de São Paulo, entre 2011 e 2012. Também foi secretário do Meio Ambiente em Marília (1997-2000) e de Diadema (2009-2010).

Rogério Menezes.
ig
Rogério Menezes.


Rogério Parada (PRTB)
Vice: Marco Antônio de Freitas Pires

Presidente do PRTB em Campinas, Rogério Parada é advogado e empresário no segmento de telecomunicações e mineração. Em 2012, foi diretor comercial da Sanasa (Sociedade de Abastecimento de Água e Saneamento). Esta é a primeira vez que ele se coloca na disputa de eleições.

Rogério Parada.
Divulgação
Rogério Parada.


Wilson Matos (Patriota)
Vice: Márcia Padovani (Patriota)

Novato na política, Wilson Matos morou por 25 anos nos Estados Unidos, onde abriu uma empresa que cuida de obras públicas em Washington. Empresário e engenheiro, é fundador do DC Hyper Fustal Academy, projeto social que ajuda imigrantes no processo de conseguir bolsas de estudo. No Brasil, ele atua como parceiro de projetos como a ONG Há Esperança, em Campinas.

Wilson Matos.
ig
Wilson Matos.


    Veja Também

      Mostrar mais