Dona da sorveteria se negou a entregar o pedido para o com a máscara abaixo do nariz.
Reprodução
Dona da sorveteria se negou a entregar o pedido para o com a máscara abaixo do nariz.


Imagens do início da confusão causada pelo vendedor Rodrigo Ferronato, que se recusou a usar máscara da maneira correta em uma sorveteria do bairro Falboyant, em Campinas , foram capturadas por uma câmera de segurança do estabelecimento. Divulgado nesta quarta-feira (16), o vídeo contraria as afirmações feitas por Ferronato a respeito do caso.

Em entrevista ao canal EPTV, ele disse que foi agredido pela proprietária da sorveteria, com um “tapa no braço”, “empurrão no peito” e “soco de mão aberta”. As imagens mostram apenas a mulher dando dois tapas no celular do cliente, enquanto ele a filmava.

Depois disso, Ferronato depreda objetos dentro do estabelecimento e faz ameaças à mulher. Essa parte da confusão foi filmada por outros clientes e circula nas redes sociais desde terça-feira, apesar de o fato ter ocorrido no sábado (12).


As novas imagens divulgadas hoje mostram ainda que Rodrigo Ferronato estava sem máscara enquanto aguardava para ser atendido fora da sorveteria. Ao entrar, ele está com a máscara cobrindo a boca, mas com o nariz descoberto.

Ao notar o detalhe, a proprietária diz que vai entregar o pedido apenas se ele corrigir o uso da máscara, o que não acontece. A partir daí, o homem diz que vai chamar a polícia e inicia a confusão.

Inquérito

A Polícia Civil abriu, nesta quarta-feira, um inquérito para apurar o caso. Em Campinas, pessoas que circulam sem máscara são punidas com multas de R$ 100, mas valor pode ser convertido em cestas básicas. Estabelecimentos também podem ser multados caso funcionários e clientes não cumpram a regra.

    Veja Também

      Mostrar mais