ACidade ON

Polícia identifica suspeito que teria espancado morador de rua
Reprodução: ACidade ON
Polícia identifica suspeito que teria espancado morador de rua

A Polícia Civil de Campinas identificou o suspeito de ter espancado o morador de rua Clóvis Aparecido Cordeiro, de 39 anos. Ele faleceu após ser atacado junto com sua companheira, Sandra Cristina de Araújo, de 35 anos, enquanto ambos dormiam na Avenida Lix da Cunha no dia 13 de outubro.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Hamilton Caviola, o suspeito também é morador de rua e está detido no 3º DP (Distrito Policial) de Campinas, no Jardim Chapadão. Agora, a prisão preventiva dele deve ser pedida à Justiça.

Você viu?


O caso ocorreu por volta de 4h e o casal estava em uma guarita desativada na quando foi surpreendido pelo agressor. Caviola informou que o suspeito foi interrogado pela polícia, mas o delegado não informou a motivação do crime até o momento.

Segundo o boletim de ocorrência, o casal foi espancado com pedaços de concreto e madeira. É investigado ainda se a agressão partiu de um grupo. Já Sandra foi atendida no Hospital da PUC e liberada no mesmo dia. Ela está bem.

De acordo com a Secretaria Municipal de Assistência Social e Segurança Alimentar, o casal era acompanhado pelo SOS Rua, que tentava contato com a família, de Sumaré. O caso foi registrado como homicídio e tentativa de homicídio.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários