ACidade ON

Promotora muda denúncia e pede cassação de chapa Dário e Wandão
Reprodução: ACidade ON
Promotora muda denúncia e pede cassação de chapa Dário e Wandão

A promotora eleitoral de Campinas , Simone Rodrigues Horta Gomes, aditou a denúncia contra o c andidato à Prefeitura de Campinas Dário Saadi (Republicanos), incluiu o vice Wanderley Almeida (PSB) e pediu, agora, a cassação da chapa.  

No dia 26 setembro, Dário participou de um evento que providenciou consultas médicas gratuitas em um condomínio na região do distrito do Ouro Verde. A promotoria entendeu isso como uma tentativa de compra de votos.


Você viu?

"...por se tratar de uma relação jurídica subordinada, o mandato do vice-prefeito será alcançado em caso de cassação do diploma do prefeito de sua chapa, devendo, por essa razão, ambos serem chamados a integrar a lide dentro do prazo para propositura da ação", disse a promotora.

O advogado Marcelo Pelegrini, que defende a chapa, afirmou que ainda não foram intimados. "Quando isto ocorrer, apresentaremos nossa defesa na plenitude", disse.

O CASO

No dia 26 setembro, um dia antes do início da campanha eleitoral, Dário participou de um evento que providenciou consultas médicas gratuitas em um condomínio na região do distrito do Ouro Verde.

O atendimento ocorreu em um sábado, no Condomínio Residencial Ouro Verde, localizado no Parque Universitário. O exame era gratuito e serviria para a utilização da piscina no local.

"Senhores moradores, sábado dia 26/09/2020 das 10:00 h as 12:00 h o Dr. Dário Saadi estará em nosso condomínio (BLOCO 16) para realizar exame médico", dizia o texto da propaganda colada no próprio condomínio.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários