ACidade ON

Incêndio destruiu barracos e famílias levaram apenas documentos de casas.
Reprodução
Incêndio destruiu barracos e famílias levaram apenas documentos de casas.

As famílias carentes da comunidade Vila Paula , que pegou fogo no final de setembro, no bairro San Martin , em Campinas , receberão a doação de 958 cestas básicas . O benefício foi acordado judicialmente entre o MPT (Ministério Público do Trabalho) e uma rede de supermercados.

No dia 28 de setembro , um incêndio destruiu 24 barracos daquela ocupação, deixando as famílias desabrigadas e sem ter para onde ir . A ocorrência deixou ainda duas pessoas feridas e muitas pessoas saíram de suas casas apenas com a roupa do corpo.


Você viu?

O poder público, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social, providenciou um alojamento provisório nas dependências de uma escola pública municipal, e lá elas permanecem, sob a tutela da prefeitura e da Paróquia São Marcos, o Evangelista.

O MPT informou que a conciliação, homologada pelo juízo da 10ª Vara do Trabalho de Campinas, prevê a entrega de 240 cestas por mês às famílias do Vila Paiva. Isso deve ocorrer nos meses de outubro, novembro e dezembro de 2020.

Há ainda a previsão de entrega de 238 cestas no mês de janeiro de 2021. Além dos itens básicos de alimentação, as cestas contêm itens de higiene, como álcool em gel. 

COMO SERÁ

A Paróquia São Marcos, por meio de seu pároco, o padre Antônio Alves, receberá as cestas e ficará incumbida de fazer a distribuição às famílias. O comprovante da entrega deverá ser protocolado nos autos do processo.

A rede de supermercados foi processada pelo MPT em decorrência do descumprimento de um TAC (termo de ajuste de conduta) relativo a assédio moral. O processo é conduzido pelo procurador José Pedro dos Reis. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários