ACidade ON

Campinas inicia testagem de presos e trabalhadores de penitenciárias
Reprodução: ACidade ON
Campinas inicia testagem de presos e trabalhadores de penitenciárias

Campinas confirmou que, desde o último dia 5 de novembro, iniciou uma testagem de casos de covid-19 em trabalhadores e detentos nas unidades prisionais. A expectativa é que o trabalho seja concluído até o final deste mês.

De acordo com a Secretaria de Saúde, até o final dos trabalhos, deverão ser testadas cerca de 4,5 mil pessoas entre trabalhadores e presos.


Você viu?

As coletas de exames estão sendo realizadas no CDP (Centro de Detenção Provisória), no CPP (Centro de Progressão Penitenciária) Professor Ataliba Nogueira e na Penitenciária Feminina de Campinas. A Secretaria de Saúde conta com o apoio dos presídios e do Exército na realização da testagem.

COMO FUNCIONA

O teste detecta, por meio de exame de sangue (uma gota), se a pessoa produziu anticorpos, recentemente ou há mais tempo, contra o novo coronavírus.

A plataforma Hilab faz a leitura da gota de sangue e envia dos dados para uma central. O resultado é conhecido cerca de 15 minutos depois. A pessoa testada pode receber o resultado no e-mail ou no celular.

NA CIDADE

De acordo com o último boletim epidemiológico da Secretaria de Saúde, Campinas soma 38.891 casos confirmados de coronavírus desde março.

Em relação aos óbitos, são 1.333 moradores que morreram em decorrência da covid-19. Há ainda 559 casos sob investigação (o mesmo número) e 85.540 casos já foram descartados (1.062 a mais).

A cidade também tem 14 óbitos em investigação e 37.272 pacientes recuperados do novo coronavírus (390 a mais). Em hospitais públicos e privados, 198 pessoas estão internadas com covid-19 (sem dados novos). Em isolamento domiciliar, estão 85 moradores (121 a menos). 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários