ACidade ON

Homem é detido em Campinas por venda ilegal de medicamentos
Reprodução: ACidade ON
Homem é detido em Campinas por venda ilegal de medicamentos


Um homem de 56 anos foi detido na noite de ontem (24) em Campinas acusado de vender medicamentos de forma ilega l. O suspeito foi encontrado em uma casa no Jardim São José, após uma denuncia anônima.

No local, a Polícia Militar encontrou mais de 300 medicamentos de vários tipos, entre eles de uso controlado, usados para distúrbios mentais e transtornos de ansiedade, além de medicamentos que têm sido usados no tratamento de pacientes infectados com covid-19, como ivermectina e azitromicina.


Você viu?

Os medicamentos encontrados não possuíam nota fiscal, e estavam em gavetas e compartimentos espalhados pela casa. Segundo os policiais, no local também foram encontrados carimbos com nomes de supostos médicos, além de talões de receitas e de atestados com brasão da prefeitura e da Secretaria de Saúde, e R$ 1, 5 mil em dinheiro vivo.

O acusado confessou que vendia as receitas e atestados por cerca de R$ 50, já o valor do medicamento variava de acordo com o tipo.

De acordo com a PM, a suspeita é que as assinaturas e os registros e carimbos sejam falsos, mas com nome de médicos que trabalham no PS Ouro Verde e São José, isso porque no local foi encontrada também uma lista com os horários dos profissionais nos dois hospitais, e o homem confessou que se baseava nela para prescrever as receitas vendidas de forma ilegal. O homem no entanto não assumiu como conseguiu acesso à lista, e se há envolvimento dos profissionais no esquema.

Investigação

Segundo a Policia Militar, ainda não foi descoberta a procedência dos produtos, que podem ter sido adquiridos através de laboratório clandestino, ou por roubo de carga.

Todo o material apreendido foi encaminhado para a perícia, e o homem foi ouvido e liberado. Caso seja comprovado as irregularidades, o suspeito pode responder por receptação de produto roubado, tráfico de drogas e crime contra a saúde pública.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários