ACidade ON

Guarani vence Chapecoense no Brinco de Ouro
Reprodução: ACidade ON
Guarani vence Chapecoense no Brinco de Ouro


O Guarani conquistou uma grande vitória vencendo em casa a líder Chapecoense na noite deste sábado (28). O jogo terminou com dois gols do Bugre, feitos por Arthur Rezende e Victor Ramon.

O resultado levou o Bugre aos 34 pontos, em décimo lugar da competição nacional. O resultado abriu para o time campineiro 13 pontos de vantagem para a zona de rebaixamento, terminando uma rodada na metade de cima da tabela pela primeira vez nesta Série B.

Em seis jogos sob o comando de Felipe Conceição no Brinco de Ouro, o Guarani conquistou seis vitorias. Após a partida, o técnico comemorou mais um resultado positivo e destacou a capacidade do elenco bugrino. 

Você viu?

"A gente vem em um crescimento, estamos há dois meses trabalhando bastante para sair da situação que a gente estava e depois entrar no meio da tabela, que era o próximo objetivo. Conseguimos hoje, mas ainda tem margem de crescimento, precisamos ter os pés no chão, manter a humildade, foi uma vitória espetacular contra o líder, time de melhor campanha na Série B, estamos felizes com o desempenho tanto defensivo quanto ofensivo", disse.

Em seu próximo compromisso, a equipe visita o Náutico, terça-feira (1º) às 19h15.

O JOGO

O primeiro tempo foi de um Guarani  dominante diante da líder Chapecoense. Com movimentação ofensiva, foi Bruno Sávio o primeiro a tentar, aos 5, em chute de fora da área que saiu pela linha de fundo. Depois foi a vez de Arthur Rezende cobrar falta com muito perigo. E se na primeira tentativa o camisa 80 não acertou o alvo, na segunda ele não desperdiçou. 

Aos 13, o meia acertou um bonito chute de primeira, após cruzamento de Júnior Todinho e abriu o placar. O ritmo bugrino seguiu intenso e a equipe partiu em busca do segundo gol. Ele veio aos 29 com o zagueiro Victor Ramon. Cria da base bugrina, o defensor apareceu no segundo pau para completar cruzamento depois de cobrança de escanteio e ampliar o placar.

O Guarani voltou para o segundo tempo mantendo a tranquilidade, rodando a bola e bem postado na defesa, tanto é que até a metade da etapa final, o goleiro Gabriel Mesquita pouco havia trabalhado. Já no campo de ataque, Murilo Rangel, Todinho, Bruno Sávio e Pablo buscavam se movimentar e criar os espaços.  

Aos 16, Arthur Rezende cobrou falta na área e Todinho cabeceou por cima do gol. Já aos 19, Bruno Sávio recebeu bom passe e finalizou colocado, no ângulo, exigindo linda defesa do goleiro. A arbitragem, porém, invalidou o lance por impedimento.

Com a vantagem no placar, o Bugre tratou de administrar a posse de bola até a confirmação da vitória, a terceira seguida na Série B do Campeonato Brasileiro.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários