ACidade ON

Aos 81 anos, Catarina Neves, de Campinas, conquista jurados no The Voice
Reprodução: ACidade ON
Aos 81 anos, Catarina Neves, de Campinas, conquista jurados no The Voice

"Não há palavras que possam expressar a alegria de ainda poder sonhar", disse a aposentada Catarina Neves, que aos 81 anos participa da 1ª edição do The Voice Brasil Sênior (The Voice+). Moradora de Campinas há mais de 40 anos, ela pretende, ao longo do programa, fazer valer a famosa frase que diz "nunca é tarde para sonhar".  

Com uma voz grave e uma apresentação carismática, dona Catarina cativou os quatro jurados do programa logo nos primeiros segundos de sua apresentação. Foram necessárias apenas duas frases cantadas para que todos virassem a cadeira. O vídeo completo da apresentação de Catarina pode ser assistido pelo GShow .  O programa é transmitido pela TV Globo aos domingos.

"Quando eu subi no palco para cantar e eles viraram a cadeira eu levei um susto, mas eu tive que continuar. Foi uma emoção e alegria muito grande", contou Catarina, em entrevista ao ACidade ON Campinas.  

Mas as surpresas começaram logo no momento da inscrição, antes mesmo dela se apresentar. Catarina estava em casa assistindo televisão quando recebeu a notícia de que iria participar do The Voice.

"Estava sentada quietinha no sofá da sala e, de repente, meu marido chega e fala assim: eu fiz uma coisa, te inscrevi no The Voice", conta.  

Ela lembra que no dia foi uma mistura de sentimentos: alegria, por estar realizando um sonho, e medo, por não saber se era capaz. "Eu levei um susto e falei: onde já se viu, eu não posso fazer, é muita gente boa. Quem sou eu para cantar no meio de um monte de jovens músicos", relembra.  

Mas o medo perdeu espaço para a confiança quando Catarina descobriu que participaria da edição que reuniria apenas inscritos com mais de 60 anos. "Quando ele explicou que era sênior eu me enchi de coragem e topei".  

INSPIRADA POR UM SONHO

Para a primeira apresentação, Catarina escolheu a canção "Linda Flor (Yayá)", da artista Aracy Cortes. A escolha foi motivada por um sonho que ela teve no dia anterior, em que cantava a música.  

"Eu sonhei com essa música antes do meu marido falar que tinha feito a inscrição. Eu tinha ouvido uma fita em que eu cantava ela, e no dia seguinte eu sonhei com ela. Nisso meu marido me falou da inscrição do programa e eu decidi cantar ela".  

DESDE A INFÂNCIA

Saudosa, ela relembra que a paixão que nutre pela música vem desde o berço, por influência de familiares. Com o pai músico e a mãe cantora, ela se aventura a cantar desde quando a profissão era um tabu para as mulheres. "Naquela época a mulher que tocava violão era um escândalo".  

Mas, em dado momento da vida, Catarina "enterrou" o sonho de ser cantora para viver os planos de terceiros. "Eu não segui o mundo da música por escolha erradas, por um casamento só de aparência. A gente vai caminhando por escolhas erradas e esquece dos sonhos. A gente vai tendo filhos e precisa cuidar deles, que é prioridade", pontua.  

Quando mais jovem, ela chegou a trabalhar em uma empresa de Mogi Mirim, mas deixou o ofício para cuidar da casa. Mesmo longe dos palcos, ela não permitiu que a música morresse dentro dela. "A música cura, a gente ouve a música e sustenta a alma com o que está sendo cantado".  

Após se divorciar do primeiro marido, Catarina começou a se apresentar em casamentos, eventos e igrejas. Inspirada por cantores como Alcione, Clara Nunes e Chico Buarque, ela agora tem a oportunidade de mostrar seu talento no palco do The Voice+. "Estar no programa é muito importante, ainda mais para mim que tive uma vida atribulada", comenta.  

Para as próximas apresentações, ela garante que trará variedade de estilos, com músicas que vão desde o bolero até o pop. "Gosto de música que tem profundidade". Sobre levar ou não o título de campeã para casa, Catarina responde com o lema de vida dela: "o que tiver de ser, será. E o que não tiver de ser, não será".

Sem criar grandes expectativas, ela ressalta que a participação já é um dos maiores presentes que a vida trouxe. Aos 81 anos, Catarina está tendo a oportunidade de desenterrar um sonho antigo.  

PARTICIPANTE DE PIRACICABA

E ela não é a única participante da região. Eva Leoni, mais conhecida como Evinha do Forró, de Piracicaba, também compõe a lista de participantes da 1ª edição do The Voice Brasil Sênior.  

Na cidade ela é conhecida por suas apresentações em Noite das Tradições no Largo dos Pescadores, dentre outros eventos festivos de Piracicaba. Veja a apresentação de Evinha aqui.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários