Governo de estadual faz hoje nova reclassificação do Plano SP
Reprodução: ACidade ON
Governo de estadual faz hoje nova reclassificação do Plano SP

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB) atualiza, nesta sexta-feira (5), a reclassificação do Plano São Paulo de flexibilização da quarentena. Todas as regiões do Estado serão reclassificadas de acordo com os indicadores de controle da pandemia. As medidas que serão anunciadas hoje a partir do 12h45 começam a valer a partir da próxima segunda-feira, dia 8.

De acordo com a classificação atual, 82% da população do Estado está na fase laranja, e 18% na etapa vermelha.

A região de Campinas está classificada na fase laranja com menos restrições de funcionamento de comércios e serviços. Essas atividades podem funcionar por até oito horas diárias e com capacidade de ocupação limitada a 40% de público. Vale destacar também que o funcionamento é limitado até no máximo 20h. No caso de restaurantes, um decreto municipal permite a permanência de clientes até às 21h. Bares ainda continuam com funcionamento proibido.

FINAL DE SEMANA ABERTO

Na última quarta-feira (3) o governo já havia suspendido as restrições mais rígidas que colocavam todas as cidades do Estado na fase vermelha no plano de flexibilização da quarentena durante os fins de semana.

De acordo com o Estado, a suspensão das restrições foi tomada após a melhora dos indicadores de controle da pandemia em todas as regiões de São Paulo. A fase vermelha valeu no último final de semana e ainda valeria no próximo, sendo que a próxima reclassificação estava programada para o dia 8, mas foi adiantada.

"Tivemos felizmente queda de números em leitos primários e secundários de UTI, o que nos permite suspender a decisão de fechamento já neste final de semana", afirmou o governador do Estado, João Doria.

VEJA AS REGRAS DA FASE LARANJA

- Shoppings e comércio de rua - oito horas por dia até 20h e com 40% da capacidade;

- Restaurantes - consumo no local apenas para clientes sentados, até 20h e com 40% da capacidade;

- Bares: funcionamento proibido;

- Salões de beleza - até 20h e com 40% da capacidade;

- Academias - aulas individuais, com agendamento, até 20h e com 40% da capacidade;

- Atividades culturais e eventos - público sentado, com distanciamento, controle de acesso e hora marcada, até 20h, com 40% da capacidade.

- Setores de serviço: funcionamento por oito horas diárias, com 40% da capacidade e funcionamento até as 20h;

- Venda de bebidas alcoólicas: Após as 6h e até as 20h;

"

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários