ACidade ON

Dois são presos acusados de tráfico de drogas e homicídios
Reprodução: ACidade ON
Dois são presos acusados de tráfico de drogas e homicídios

Dois homens foram presos, na tarde desta quinta-feira (18), acusados de tráfico de drogas. De acordo com os policiais, um deles é membro de uma facção criminosa e já era procurado por dois homicídios ocorridos em Artur Nogueira no ano passado. (leia mais abaixo) 

Os suspeitos foram capturados em uma casa do bairro Jardim Glória, em Limeira, pela Polícia Civil, com apoio da Guarda Municipal de Limeira e Artur Nogueira. 

A investigação feita pela Polícia Civil de Artur Nogueira durou sete meses, pois o capturado membro do PCC, além dos homicídios, também era responsável por envio de drogas para Artur Nogueira. 

Na residência onde eles foram localizados, em Limeira, os policiais encontraram 14 quilos de maconha, 328 gramas de cocaína, 268 gramas de haxixe, além de materiais para embalagem de droga e um simulacro de pistola. 

Os criminosos foram levados para a Delegacia de Artur Nogueira e, após registro da ocorrência, foram encaminhados para a cadeia pública de Sumaré. 

Você viu?

HOMICÍDIOS 

O primeiro crime que o suspeito teria tido participação ocorreu no dia 15 de junho de 2020, em Artur Nogueira. Na ocasião, dois jovens, de 20 e 22 anos, foram alvejados por disparos de arma de fogo em uma estrada de terra, no bairro São Bento. 

Um deles morreu e o outro sobreviveu depois de permanecer internado no Hospital de Clínicas da Unicamp, em Campinas.  

O segundo crime trata-se do homicídio do morador William Leme do Prado, 32 anos. O corpo dele foi localizado em uma estrada rural de Artur Nogueira no dia 13 de julho de 2020. 

Aparentemente, o corpo tinha ferimentos na cabeça, mas sem marcas de perfurações. Com as investigações da Polícia Civil, iniciou-se um trabalho de apuração para descobrir quais eram as circunstâncias da morte do rapaz. 

Nos dois casos a Polícia Civil apontou a participação do criminoso preso nesta quinta-feira, mas o mesmo seguia foragido até então. Os demais envolvidos nos homicídios já haviam sido presos no ano passado

"

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários