UTI-Covid: Campinas atinge 100% de ocupação
Reprodução: ACidade ON
UTI-Covid: Campinas atinge 100% de ocupação

Campinas atingiu a lotação máxima nos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) da rede pública exclusivos para pacientes com covid-19 neste domingo (21). A taxa inclui leitos da rede pública municipal e estadual. 

LEIA TAMBÉM 
Campinas estima perda de 5% de vacinas contra a covid-19 

Covid: Campinas tem mais 6 mortes e passa de 67 mil casos confirmados
Estado amplia horário de bebida em restaurantes em Campinas

De acordo com a Prefeitura de Campinas, os pacientes da rede pública que necessitam de um acomodamento em UTI estão aguardando transferência pela Cross (Central de Regulação de Oferta de Serviços de Saúde) do Estado de São Paulo.

A Prefeitura não informou o número de pacientes que aguardam uma vaga na UTI, mas disse que a informação será passada nesta segunda (22).

PARTICULAR

A lotação na rede particular não foi divulgada até o momento, mas na sexta (19), data em que foi divulgado o último boletim, e ram 34 vagas de UTI-Covid disponíveis nos hospitais privados de Campinas.

100%

Esta não é a primeira vez que Campinas atinge 100% da lotação na UTI-Covid da rede pública. Em 23 de janeiro, a cidade também ficou sem leitos de UTI-Covid vagos durante a madrugada.

A Prefeitura afirmou em nota que abrirá mais 15 leitos de UTI-Covid até terça-feira (24). Estas acomodações foram prometidas no fim de janeiro, quando a cidade atingiu o 100% de ocupação pela primeira vez.

Você viu?

Em uma publicação feita nesta manhã no Facebook, o prefeito Dário Saadi (Republicanos) informou que houve um aumento significativo nos casos de covid-19 em Campinas e que irá anunciar ações em uma transmissão ao vivo na tarde desta segunda (23). 



"

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários