Covid-19: Campinas vai abrir 14 centros de saúde neste final de semana
Reprodução: ACidade ON
Covid-19: Campinas vai abrir 14 centros de saúde neste final de semana

A Prefeitura de Campinas vai abrir, neste final de semana, 14 CSs (Centros de Saúde) para atender pessoas com sintomas respiratórios e gripais. O atendimento, no sábado (20) e domingo (21) será das 7h às 17h.

A decisão foi divulgada pela secretaria de Saúde diante da alta de casos e mortes. Ontem, a Pasta confirmou mais 21 óbitos por covid-19.

Você viu?


Com isso, a cidade tem agora 2.116 moradores que perderam a vida para a doença desde março de 2020. Já os casos confirmados chegaram a 76.561, com a inclusão de 1.202 novos registros de quinta para sexta-feira

As unidades que vão permanecer abertas são:

- Perseu Leite de Barros
- Vicente Pisani Neto (Satélite Íris 2)
- Floresta
- São Marcos
- Aurélia
- Costa e Silva
- São Quirino
- Capivari
- Santo Antônio
- Vista Alegre
- Campo Belo
- Vila Ipê
- São José
- São Bernardo

A médica infectologista Valéria de Almeida, Devisa (Departamento de Vigilância em Saúde) de Campinas, explicou que a infecção pelo coronavírus pode causar tanto quadros leves quanto quadros graves.

Segundo Valéria, as pessoas costumam prestar mais atenção nas notícias de quadros graves, nos quais os pacientes evoluem com falta de ar e precisam de ventilação mecânica e intubação. No entanto, este é um vírus respiratório que pode causar quadros leves. A pessoa pode também ter apenas uma coriza, nariz escorrendo, uma tosse, a garganta raspando ou quadros como uma sinusite, uma inflamação na garganta.

"É muito importante que a população saiba que sintomas leves podem ser sim infecção pelo coronavírus. E qualquer pessoa que tiver estes sintomas precisa procurar atendimento médico para fazer o exame específico para detectar o vírus", explicou.   

"Com estes sintomas, uma pessoa é capaz de transmitir o vírus para outras desde dois dias antes do início dos sintomas até dez dias depois dos primeiros sinais. Por isso que é importante procurar atendimento médico o quanto antes", completou.

LEITOS E FILA

Campinas abriu, na sexta-feira (19), mais sete leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) exclusivos para pacientes com covid-19 nas redes pública e particular. Mesmo assim, a taxa de ocupação cresceu novamente e hoje o município conta apenas com dez vagas livres apenas uma é pelos SUS.

A Secretaria de Saúde também confirmou que há 167 pacientes suspeitos ou confirmados com covid-19 na fila de espera que precisam de leitos de enfermaria ou UTI.

Deste total, segundo a Pasta, 104 aguardam na lista de espera por uma vaga na UTI-Covid. Outras 63 pacientes precisam de uma vaga em leitos de enfermaria.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários