Creches da rede municipal de Campinas retomaram atividades presenciais.
Reprodução.
Creches da rede municipal de Campinas retomaram atividades presenciais.

A Secretaria de Educação de Campinas informou que a adesão no retorno presencial da educação infantil ficou em 15% dos alunos, nesta segunda-feira (3). Nesta primeira semana, as escolas recebem alunos com idade entre 3 anos e 4 meses a 5 anos e 11 meses, do agrupamento III.

São esperados, nesta semana, até 8.524 alunos, o que representa 35% do total de matriculados nessa modalidade, conforme determina o Plano São Paulo. Hoje, estiveram presentes 1.276 estudantes.

A volta às aulas presenciais ocorreu em 130 creches do município e em 44 entidades conveniadas. Quatro creches ainda estão em ajustes por ainda não cumprirem as normas sanitárias contra a covid-19. Elas vão reabrir nos próximos dias.

As regiões Sul, Noroeste e Leste são as que mais receberam alunos, somente nas creches municipais. Juntas elas somaram 483 estudantes. As aulas presenciais são facultativas e cabe aos pais e responsáveis decidirem se os filhos retornam presencialmente ou seguem acompanhando as aulas por meio da plataforma digital ou retirando as atividades na escola.

Segundo informou a Secretaria de Educação, ao todo, 42.048 alunos estão matriculados na Educação Infantil da Prefeitura. No total, a Educação infantil tem 161 creches e 44 entidades conveniadas.

As aulas presenciais na rede municipal de ensino estavam suspensas desde o final de março do ano passado e foram retomadas, presencialmente, na última segunda-feira, com os alunos do Ensino Fundamental, Educação de Jovens e Adultos, ensino  (26)profissionalizante e de qualificação profissional.


Você viu?

COMO SERÁ

Na primeira semana, as escolas recebem alunos com idade entre 3 anos e 4 meses a 5 anos e 11 meses, do agrupamento III.

No dia 10 de maio, retornam as crianças com idades entre 1 ano e 8 meses a 3 anos e 3 meses, do chamado agrupamento II. Em respeito às normas sanitárias, a expectativa é de que 3.936 alunos voltem às salas de aula.

Uma semana depois, no dia 17 de maio, será a vez do agrupamento I, que engloba crianças até 1 ano e 7 meses. Neste caso, o limite será de 1.561 alunos.

PROTOCOLOS

As aulas presenciais voltaram com regras, como redução de horário e revezamento de turmas, para garantir o distanciamento social, e com rigorosos protocolos sanitários, seguindo orientação das autoridades de saúde.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários