Única do Poupatempo funciona no Campinas Shopping.
Reprodução
Única do Poupatempo funciona no Campinas Shopping.

Um ano depois do fechamento do Poupatempo da Avenida Glicério, no Centro de Campinas - após 22 anos de funcionamento -, a nova unidade que seria instalada no Paço Municipal segue sem data definida de implementação. De acordo com o Prodesp, que administra o Poupatempo , as tratativas continuam com a Prefeitura.

Em nota oficial, a companhia disse que "aguarda o levantamento dos serviços municipais que deverão ser incorporados ao atendimento do Poupatempo para continuidade dos estudos". No entanto, a Administração de Campinas afirmou que enviou um estudo da implantação no dia 23 de abril, mas não teve resposta (leia mais abaixo).

A unidade no Paço Municipal, na Avenida Anchieta, seria o segundo Poupatempo de Campinas. Atualmente, a cidade tem apenas um posto de atendimento do serviço, no Campinas Shopping. A unidade se juntou ao Ciretran em agosto do ano passado. Juntos, eles atendem mediante agendamento prévio.

O FECHAMENTO

Na época do fechamento do Poupatempo, cerca de 150 funcionários foram demitidos da unidade da Glicério. Inaugurado em 1998, o posto do governo estadual era o terceiro mais antigo no Estado. O fechamento ocorreu após o atual contrato de gestão ser encerrado após já ter sido renovado emergencialmente uma vez.

Você viu?

Importante destacar que, com a ampliação dos postos do Poupatempo para cidades no entorno de Campinas, como Hortolândia (já em funcionamento), e a futura unidade de Valinhos, por exemplo, a população não precisará se deslocar até o Campinas Shopping para realizar seus atendimentos.

PREFEITURA

A Prefeitura ofereceu o Paço Municipal para sediar o novo Poupatempo no ano passado e, em agosto, o local foi aprovado após análise técnica pelo governo estadual. Sobre a situação atual, a Administração disse que encaminhou, no dia 19 de março, uma relação sugerindo mais de 100 de serviços municipais para avaliação e futura incorporação ao aplicativo do Poupatempo.

"Em 23 abril, após retorno da Prodesp de que dois serviços poderiam ser oferecidos no aplicativo, a Administração Municipal solicitou os custos da implantação e também a data prevista para abertura do Poupatempo físico. No entanto, até o momento, não recebemos nenhuma resposta", disse em nota.


EXPANSÃO NA REGIÃO

Ainda na segunda-feira (24), o governo estadual autorizou para a implantação de novas unidades do Poupatempo em 20 cidades, sendo duas na região de Campinas. São elas: Itatiba e Valinhos. De acordo com o Prodesp, a estimativa é chegar ainda em 2021 a 107 postos em funcionamento. Hoje são 82 unidades em todo o Estado.

"A viabilidade de novos projetos está sendo analisada por meio do corpo técnico da Prodesp, Detran.SP, Secretaria de Governo e da Casa Civil, para a incorporação de outras cidades ao plano de expansão do Poupatempo", disse em nota.  

O Prodesp informou ainda que "a implantação de novas unidades será divulgada após conclusão de estudos".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários