Orquestra Rock faz sua primeira live em tempos de pandemia
Reprodução: ACidade ON
Orquestra Rock faz sua primeira live em tempos de pandemia

Quem está com saudade do estilo musical exclusivo de rock sinfônico que só a Orquestra Rock tem e da energia pura que emana dos músicos, não pode perder a live agendada para domingo (30), a partir das 18h.

Com regência do maestro Martin Lazarov, a primeira apresentação ao vivo do grupo, desde o início da pandemia, será transmitida do Teatro Castro Mendes, em Campinas, pelas plataformas You Tube, Facebook e NetShow.me da Orquestra Rock.

Sem a presença do público e adotando todos os cuidados e protocolos sanitários, como o distanciamento seguro entre os músicos e a separação dos instrumentos de sopro em cabines individuais de acrílico, o melhor de Led Zeppelin, Pink Floyd, Iron Maiden, Nirvana, Rolling Stones, Ac/Dc e Queen será intercalado com sucessos de grandes artistas e bandas consagradas do pop rock nacional, como Frejat, Lulu Santos, Blitz, Paralamas, Titãs, Skank e Jota Quest.

Você viu?

Evento do Projeto Arte do Bem que em Campinas e região já doou a bilheteria de inúmeros shows ao Centro Infantil Boldrini, a live possibilitará que os fãs da orquestra e do projeto e os expectadores em geral façam doações ao hospital dedicado ao tratamento do câncer infantil.

Por meio de um QR Code disponível na tela durante toda a exibição, os interessados poderão contribuir com o Boldrini. "Essa live é a maneira possível do público matar a saudade da primeira orquestra de rock sinfônico do Brasil e do elenco da Orquestra Rock se apresentar aos fãs, o que não acontece há mais de um ano. Será um reencontro emocionante, ainda que de forma digital", comenta Lazarov.


Com 36 músicos, a composição da Orquestra Rock é formada, em sua maioria, de músicos que integram orquestras e bandas da RMC, como a Sinfônica Municipal de Campinas e a Orquestra da Unicamp, entre outras.

De formação clássica, reúne cordas, instrumentos de sopro de madeiras e metais, completada com naipe de saxofones e seção rítmica Power que inclui guitarra, baixo elétrico, piano, bateria e percussão popular.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários