Trabalhadores de Viracopos começam a ser vacinados neste sábado.
Divulgação/Aeroporto de Viracopos
Trabalhadores de Viracopos começam a ser vacinados neste sábado.

A secretaria Municipal de Saúde de Campinas começou neste sábado (29) a vacinar contra a covid-19 os trabalhadores do Aeroporto Internacional de Viracopos

Ao todo, foram disponibilizadas 7 mil vagas para a imunização dos profissionais. A imunização segue até a próxima quarta-feira (2). O agendamento começou ontem e é feito por meio do site da Prefeitura .  

Segundo a Prefeitura, a ação será realizada no próprio aeroporto com parceria entre a concessionária que administra o terminal e pelo Devisa (Departamento de Vigilância em Saúde). A imunização acontece das 7h às 19h, no Corredor do Edifício Garagem (antiga sala dos Correios, no Piso 1). Apenas pessoas credenciadas e agendadas terão acesso ao local de vacinação. 

Serão vacinados nesta primeira fase os profissionais aeroporturários, aeroviários e aeronautas que atuam na linha de frente de atendimento e nas operações com passageiros e  de acordo com a disponibilidade de doses. A vacina aplicada será da AstraZeneca, fabricada em parceria com a Universidade de Oxford. 

CATEGORIAS

Entre os beneficiados, estão funcionários que atuam nas seguintes áreas: administração aeroportuária, empresas de limpeza e sanitização, empresas aéreas de passageiros nacionais (equipe de solo, tripulantes e comissários baseados em Viracopos), empresas de handling, catering, vigilância, serviços auxiliares de transportes aéreos (Esatas), órgãos públicos que ainda não foram vacinados por campanhas específicas, lojas e restaurantes, assim como locadoras de veículos.

De acordo com a Saúde, a relação dos trabalhadores foi informada com base nas credenciais ativas no Aeroporto e também pelas empresas aéreas nacionais que operam no local. 

A concessionária estima que o número de doses seja suficiente para vacinar a comunidade aeroportuária , uma vez que parte dos profissionais já foi vacinada por pertencer a grupos já contemplados na campanha de vacinação, como é o caso dos agentes de segurança (policiais civis, militares e federais), que são vacinados desde abril

O INÍCIO 

A vacinação para o grupo de aeroviários foi anunciada na última quarta-feira (26) pelo governo paulista, e segue o PNI (Plano Nacional de Imunização). 

Você viu?

No dia, o governador João Doria (PSDB) indicou que o início da vacinação para esse grupo era previsto para ontem (28) , tanto em Viracopos, como em Guarulhos e Congonhas. No entanto, em Viracopos a Prefeitura de Campinas indicou o início para este sábado, após reunião com a concessionária responsável. 

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou na quinta-feira (27) que encaminhou 4,7 mil doses de vacinas para a vacinação dos aeroviários de Campinas. O restante das doses para completar os 7 mil vacinados foram reforçadas pela Prefeitura. 

Ao todo, o governo estadual prevê 19 mil trabalhadores contemplados na soma dos três aeroportos. A Pasta também informou que solicitou ao Programa Nacional de Imunização doses extras para vacinar a totalidade dos trabalhadores do transporte aéreo. 

RISCO DE INFECÇÃO

Segundo a articuladora do Programa Municipal de Imunização, Ana Cecília Zuiani Zocolotti, a campanha para essa categoria atende a uma urgência sanitária. 

"A vacinação é uma das medidas fundamentais para contribuir no controle da pandemia, diminuindo o número de pessoas suscetíveis à doença e de casos graves. Esses profissionais estão na linha de frente ao atendimento dos passageiros do transporte aéreo e estão mais expostos a infeção pelo novo coronavírus". 

Os funcionários do aeroporto que não forem contemplados nessa fase inicial, devem acompanhar a programação de suas cidades.


ORIENTAÇÕES

Quem estiver dentro dos critérios para se vacinar deve fazer o pré-cadastro no site Vacina Já do Governo de São Paulo , clicando em "População Geral" e, em seguida, fazer o agendamento do horário no site vacina.campinas.sp.gov.br

Trabalhadores sem agendamento ou que não estiverem na base informada por Viracopos não serão vacinados. A credencial válida deve ser apresentada como comprovação no momento da vacinação, junto a um documento de identidade com foto.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários