Preço do gás de cozinha sofre reajuste de 5,9% e chega a R$ 90 em Campinas
Reprodução: ACidade ON
Preço do gás de cozinha sofre reajuste de 5,9% e chega a R$ 90 em Campinas

O preço do gás de cozinha sofreu um reajuste de 5,9% na última sexta-feira (11), e pesará ainda mais no bolso do consumidor, que já encontra botijões na casa dos R$ 90 nas distribuidoras. Este é 14º aumento anunciado pela Petrobras desde 2019. 

Em Campinas, as distribuidoras já começam a repassar o valor com o reajuste para o consumidor. No Jardim do Lago, uma das empresas vendia o botijão de 13 quilos de gás de cozinha a R$ 85 e, com o aumento, o valor foi para R$ 89. 

A equipe de produção da EPTV Campinas esteve em 10 distribuidoras na manhã desta segunda-feira (14) e constatou que em duas o preço do botijão já está mais caro, e em outras oito o valor deve aumentar ainda essa semana. 

O aposentado Elias Santos foi um dos que precisou do produto hoje pela manhã e se assustou com o aumento. Da última vez, o morador tinha encontrado o botijão a R$ 85. Hoje o valor era de R$ 94. 

Você viu?

"Caro, demais. Como uma pessoa que não pode comprar um botijão de gás desse valor vai fazer comida? Daí as pessoas falam para fazer fogão a lenha, mas como vai achar a lenha?". 

O revendedor Pedro Luiz Lovato diz que a atualização do preço é necessária para não ficar no prejuízo. "O último reajuste foi no começo do mês de abril, e agora a Petrobras soltou esse novo reajuste. Infelizmente não podemos fazer nada. É um reajuste significativo e temos que repassar para o nosso consumidor". 

De acordo com a Petrobras, o reajuste está de acordo com o mercado Internacional e acompanha a variação do produto, bem como a taxa de câmbio.

"

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários