Lista de livros da Unicamp não sofreu mudanças.
Divulgação/Unicamp
Lista de livros da Unicamp não sofreu mudanças.

A Comvest (Comissão Permanente para os Vestibulares) da Unicamp, de Campinas, divulgou nesta quinta-feira (17) que manterá a lista de obras em língua portuguesa, cuja leitura é obrigatória para candidatos ao Vestibular de 2022 e também de 2023.

Com isso, serão 10 obras obrigatórios exigidas aos estudantes (veja lista abaixo). A Comvest informou ainda que divulga com antecedência, a cada ano, as obras que compõem a lista de leituras exigidas para o Vestibular, de maneira a permitir o planejamento de professores e estudantes.

Para a edição de ingresso em 2023, a Unicamp disse ainda que ponderou que seria prudente manter as obras, considerando os impactos da pandemia na educação e a necessidade de adaptação de estudantes e professores em um contexto de retomada.

Você viu?

As 10 obras da lista foram escolhidas a partir de critérios como a representatividade dessas manifestações literárias nas tradições culturais de língua portuguesa, o padrão de elaboração estética e a presença de núcleos temáticos adequados à formação pedagógica do aluno no ensino médio.

A lista de obras para os Vestibulares Unicamp 2022 e Unicamp 2023 apresenta seis gêneros literários (Poesia, Conto, Teatro, Romance, Crônica e Carta/Relato de Viagem) e dez autores (Camões, Racionais MCs, Olavo Bilac, Ligia F. Telles, F. Pessoa, Paulina Chiziane, Júlia Lopes de Almeida, Machado de Assis e Pero Vaz de Caminha).

DATAS

A primeira fase do vestibular da Unicamp está prevista para o dia 7 de novembro. Já a segunda fase ocorrerá nos dias 9 e 10 de janeiro de 2022.


LISTA DE LEITURAS

- Luís de Camões
Domínio público e Vinte Sonetos. Org: Sheila Hue. 1ª ed. 
Campinas: Editora da Unicamp, 2018.

- Racionais Mcs
Sobrevivendo no InfernoSobrevivendo no inferno.
São Paulo: Cosa Nostra, 1997.

- Olavo Bilac
Tarde
Domínio público

- Lygia Fagundes Telles
Conto "O Seminário dos ratos"

- Fernando Pessoa
O Marinheiro
Domínio público e O Marinheiro.
Introdução e notas: Marcos lopes e Ana Maria Côrtes. Campinas: Editora da Unicamp, 2020.

- Júlia Lopes de Almeida
A Falência
Domínio público e A Falência.
Edição comentada: Regina Zilberman. 1ª ed.
Campinas: Editora da Unicamp, 2018

- Raul Pompeia
O Ateneu
Domínio público

- Paulina Chiziane
Niketche - uma História de Poligamia
São Paulo: Companhia das Letras, 2004

- Machado de Assis
Bons dias!
Domínio público e Série Crônicas - Editora da Unicamp

- Pero Vaz de Caminha
Carta de Achamento a el-rei D. Manuel
Domínio público

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários