UTI-Covid: taxa de ocupação se mantém estável em Campinas
Reprodução: ACidade ON
UTI-Covid: taxa de ocupação se mantém estável em Campinas

A Secretaria de Saúde de Campinas divulgou, na tarde desta segunda-feira (21), que a taxa de ocupação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) exclusivos para pacientes com covid-19 nas redes pública e particular de saúde se manteve estável em relação a sexta - último dado divulgado.

De acordo com a Pasta, Campinas conta com 424 leitos de UTI-Covid. Deste total, 397 estão ocupados, o que corresponde a 93,63%.

Na última sexta-feira, a cidade possuía 423 leitos, sendo que 399 deles estavam ocupados. Com isso, a taxa ficou em 94,32%.

A fila de espera de pacientes suspeitos ou confirmados com covid-19 que precisam de leitos de enfermaria ou UTI teve uma pequena queda.

Hoje há 26 pacientes à espera por leitos covid-19 de UTI. Na sexta-feira, 32 pessoas se encontrava, nesta situação.

No total, há 456 pacientes internados em enfermaria Covid e 397 em UTI--Covid.

Os leitos estão disponibilizados da seguinte maneira:

SUS Municipal: 163 leitos, dos quais 160 estão ocupados, o que equivale a 98,16%. Há três leitos livres.

SUS Estadual: 30 leitos, dos quais 27 estão ocupados, o que equivale a 90%. Há três leitos livres.

Particular: 231 leitos, dos quais 210 estão ocupados, o que equivale a 90,90%. Há 21 leitos livres.

"

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários