Ocupação de UTI-Covid em Campinas cai novamente e está em 81,23%
Reprodução: ACidade ON
Ocupação de UTI-Covid em Campinas cai novamente e está em 81,23%

A taxa de ocupação de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) de Covid-19 em hospitais públicos e privados de Campinas registrou nova queda nesta sexta-feira (23). Segundo o levantamento da Prefeitura de Campinas, a taxa hoje é de 81,23%.

Essa foi a segunda queda da taxa na semana. Veja como estavam os índices anteriores:

Quinta-feira (22): 84,10%

Quarta-feira (21):
87,01%

Terça-feira (20):
87,05%

Segunda-feira (19):
87,44%

COMO ESTÃO OS LEITOS

De acordo com a Administração, Campinas tem nesta sexta 373 leitos de UTI exclusivos para pacientes com covid-19 nas redes pública e particular de saúde.

Deste total, 303 estão ocupados, o que corresponde a 81,23%. Há 70 leitos livres nas redes municipal, estadual e privada.

Ainda segundo a prefeitura, não há pacientes à espera por leitos covid-19. No total, há 338 pacientes internados em enfermaria Covid e 303 em UTI-Covid.

Você viu?

DADOS POR GESTÃO 

SUS Municipal: 136 leitos, dos quais 113 estão ocupados, o que equivale a 83,09%. Há 23 leitos livres.

SUS Estadual: 45 leitos, dos quais 40 estão ocupados, o que equivale a 88,89%. Há 5 leitos livres.

Particular: 192 leitos, dos quais 150 estão ocupados, o que equivale a 78,13%. Há 42 leitos livres.

CONVERSÃO DE LEITOS

O Hospital Ouro Verde de Campinas converteu 10 leitos de terapia intensiva covid-19 para UTI geral de atendimento a pacientes graves com outras patologias. 

A decisão foi tomada na quinta-feira (23) em função da redução nos casos graves de covid-19 com necessidade de uma estrutura de tratamento intensivo.

BOLETIM EPIDEMIOLÓGICO

Campinas registrou mais seis mortes pela covid-19 nesta sexta-feira (23), segundo dados divulgados pela secretaria de Saúde da cidade.

De acordo com o boletim epidemiológico, a município tem o acumulado de 4.026 mortes pela doença. Além disso, mais 482 pessoas foram infectadas pelo coronavírus. Com isso, o número de casos confirmados do município subiu para 124.413.

Do total de vítimas, duas tinham mais de 60 anos. Já a vítima mais nova era um homem de 44 anos, sem doenças anteriores. Ele morreu no dia 18 de julho.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários