2º Delegacia de Defesa da Mulher.
Paula Vieira/SSP
2º Delegacia de Defesa da Mulher.

Um homem de 23 anos, foi preso em flagrante na noite de ontem (29) em Campinas, após matar asfixiada a companheira, de 28 anos. 

O crime aconteceu na Rua Beto Carioca, no Jardim Campo Grande. Segundo o boletim de ocorrência, o casal teria discutido e em seguida a mulher foi asfixiada. O homem fugiu da cena do crime, mas se entregou durante à noite na 2ª Delegacia Seccional, informando que deixou a vítima desmaiada na casa.

A perícia esteve no local do crime e encaminhou o corpo da vítima ao IML (Instituto Médico Legal). A ocorrência foi registrada como homicídio qualificado/feminicídio na 2ª DDM (Delegacia de Defesa da Muler) . O homem permanece à disposição da Justiça. 


OUTROS CASOS 

Esse é o quarto caso de feminicídio registrado em Campinas neste ano. No mês passado, uma idosa de 60 anos foi morta  com facada nas costas no Jardim Lisa. O acusado também era companheiro da vítima.  

Você viu?

Em maio, um homem matou a ex-mulher de 32 anos e cometeu suicídio em seguida no Jd. do Lago . No mesmo mês, uma mulher de 46 anos foi morta após o ex-marido atear fogo no carro em que estava .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários