Vereadores durante reunião ordinária no Plenário da Câmara de Campinas (Foto: Divulgação/Câmara de Campinas)

Os vereadores de Campinas votam nesta quarta-feira (22), em primeira discussão, a proposta do prefeito de Campinas, Dário Saadi (Republicanos), que autoriza o Executivo a obter crédito no valor de R$ 200 milhões junto à Caixa Econômica Federal.

Conforme o texto, o montante será usado para obras de asfalto e melhorias de infraestrutura em bairros periféricos da cidade.  

A proposta é que parte dos recursos sejam utilizados na implantação de redes de drenagem e pavimentação de 13 bairros, como parte do Programa Meu Bairro Bem Melhor 2, além de serem aplicados na conclusão das obras do Corredor BRT.  

O programa Meu Bairro Bem Melhor 2 prevê a implantação de 34,1km de rede de drenagem e 49,7km de pavimentação nas ruas dos seguintes bairros:

Vila Palmares
Jardim Campo Belo 1, 2 e 3
Parque Centenário
Jardim Monte Líbano
Jardim Itayu
Jardim Campina Grande
Jardim Sulamérica
Jardim Lisa 2
Jardim Satélite Íris 2
Parque São Paulo
Parque dos Pomares

OUTROS PROJETOS

Também será votado, em discussão final, o PLC (Projeto de Lei Complementar) que proíbe o comércio de cabos de cobre, tampas e grades usados em espaços públicos nas atividades de desmanche, sucatas e peças de veículos da cidade.

O texto foi elaborado pelo presidente da Casa, Zé Carlos (PSB), e será analisado em segunda discussão pelos vereadores na sessão ordinária marcada para às 18h. A reunião presencial terá transmissão on-line e público limitado no Plenário (veja abaixo).

Conforme a proposta, os estabelecimentos que se desviarem das licenças que possuem, ou que não comprovarem a legalidade e a origem dos materiais adquiridos ficarão sujeitos à cassação do alvará de funcionamento e podem ser interditados.

Outra matéria que será analisada em primeiro turno é a do vereador Nelson Hossri (PSD). O texto elaborado por ele retira a placa de adesivo dos carros de transporte por aplicativo.

COMO ASSISTIR

A sessão desta noite será a 15ª reunião presencial do ano, com a participação do público nas galerias, respeitando todos os protocolos sanitários e limitado a 35% da capacidade do Plenário.

A TV Câmara Campinas transmite a reunião ao vivo, a partir das 18 horas, em sinal digital aberto 11.3, pelo canal 4 da NET e 9 da Vivo Fibra além de retransmissão em tempo real pelo streaming do site oficial e redes sociais do Legislativo e da TV, e ainda via YouTube.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários