Vôlei Renata derrotou o Sesi-SP.
Pedro Teixeira/Vôlei Renata
Vôlei Renata derrotou o Sesi-SP.


O Vôlei Renata garantiu a classificação para a final do Campeonato Paulista ao derrotar o Sesi-SP, por 3 a 1 (17/25; 25/16; 25/22 e 25/21) na partida disputada neste sábado (9) . O time dominou o golden set e fez 25 a 14. Esse foi o segundo jogo da semifinal do Estadual e marcou a volta do público ao Ginásio do Taquaral. 

Atual campeão, o Vôlei Renata chega à final do Campeonato Paulista pela terceira vez seguida. O adversário da decisão será o Vedacit/Guarulhos. Os jogos acontecem nos dias 13 e 18. Como teve a melhor campanha, os campineiros decidem o título dentro de casa. 

Estreante no Ginásio do Taquaral, o ponteiro Adriano foi o maior pontuador do time campineiro com 25 pontos , seguido de perto por Lucão, que anotou 20. Evandro e Barreto fizeram onze cada. Temponi, que veio do banco de reservas, contribuiu com sete. 

"Sabíamos que ia ser um jogo tenso. Para nós era tudo ou nada. Começamos um pouco abaixo, novamente o saque nosso não teve efeito e o Sesi-SP acabou saindo na frente. Optei por fazer duas trocas. O Temponi e o Cris entraram, deram uma dinâmica diferente no jogo e o time cresceu, voltou para o jogo.", comentou o técnico Marcos Pacheco. 

O JOGO

Novidades entre os titulares, Barreto e Adriano comandaram a virada de bola do time campineiro no primeiro set, mas o Sesi-SP acabou levando a melhor, fazendo 25 a 17. 

A partir da segunda parcial, com as entradas de Temponi e Cris, os campineiros estabilizaram seu jogo. Com Lucão comandando o bloqueio e a dupla Evandro e Adriano finalizando contra-ataque, o Vôlei Renata passou na frente do placar (14 a 11). 

Leia Também

Sem deixar o adversário reagir, os donos do Taquaral ampliaram em passagem de Temponi pelo saque. Primeiro em sequência de bloqueios de Lucão, depois com ace do ponteiro (22 a 15). Após erro de ataque do Sesi-SP, o time campineiro deixou tudo igual: 25 a 16. 

Leia Também

O terceiro set foi de reação para o Vôlei Renata. O time campineiro viu o adversário abrir no início da parcial, mas, aos poucos, reagiu e encostou em passagem de Evandro pelo saque. Com ace do oposto, a vantagem, que chegou a ser de cinco pontos, caiu para um (21 a 20). 

O empate veio na sequência em bloqueio de Lucão (22 a 22). Temponi seguiu dando trabalho no serviço e os comandados do técnico Marcos Pacheco viraram o placar em contra-ataque de Adriano: 25 a 22. 

O Vôlei Renata voltou na parcial impondo ritmo forte no saque, com Lucão, e logo abriu vantagem (6 a 1). O time campineiro administrou a vantagem com bom aproveitamento na virada de bola, com Adriano e Barreto. 

Os paulistanos tentaram reagir, mas os donos da casa mantiveram o bom desempenho no sistema defensivo com bloqueio de Barreto (17 a 15) e seguiram dominando. Mantendo a pressão, a equipe da casa forçou o golden set, fazendo 25 a 21 após erro de saque do Sesi-SP. 


OUTUBRO ROSA 

No duelo desta quarta-feira, o líbero Alê usou um uniforme em alusão ao Outubro Rosa, mês do combate e prevenção ao câncer de mama e colo de útero. O gesto se repetirá durante os playoffs do Paulista e no início da Superliga Masculina. 

Antes da partida, o projeto esportivo de canoagem Rosas Dágua, de Campinas, composto por mulheres com diagnóstico e reabilitação da doença, entrou na quadra e posou com os jogadores após a partida.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários