Parque Tecnológico (Foto: Pedro Amatuzzi/Divulgação)

As empresas fundadas por ex-alunos da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) faturaram neste ano R$ 16 bilhões. O valor é o dobro do alcançado em 2020. Os dados são do relatório feito pela Agência de Inovação Inova Unicamp.

O resultado corresponde ao faturamento anual de 1.019 empresas-filhas ativas até setembro de 2021. A maioria é formada por micro e pequenas empresas, mas o aumento deste ano foi relacionado principalmente às entidades médias e grandes.

A diretora-executiva da Inova Unicamp, professora Ana Frattini, explica que os dados chamativos coletados no levantamento anual também podem ser atribuídos aos negócios avaliados em mais de US$ 1 bilhão, chamados de "unicórnios".

"Não divulgamos os valores individuais entre as empresas-filhas, mas, este ano, a atualização dos dados e o crescimento das grandes e médias empresas - especialmente as de tecnologia - levou a um impulso no faturamento anual, que dobrou em relação a 2020, passando de R$ 8 bilhões para R$ 16 bilhões", disse.

EMPREGO

Ainda de acordo com a Inova, somente as 93 novas empresas-filhas cadastradas desde o último relatório, faturaram cerca de R$ 1,3 bilhão desse aumento no resultado e foram responsáveis por 23% dos novos empregos, com 1.305 vagas.

O impacto total no mercado de trabalho foi de 17% de aumento em relação ao ano anterior.
Conforme os dados, as mais de 1 mil entidades cadastradas foram responsáveis por 33.315 empregos diretos em 2020 e por 38.963 em 2021. 

Leia Também

Pesquisadora de uma das empresas-filhas (Foto: Pedro Amatuzzi/Divulgação)

FUNDAÇÕES

A maioria das empresas-filhas da Unicamp, 94,4%, está localizada na região Sudeste, sendo 90,6% no estado de São Paulo. Mais da metade, 53,4%, de todas as empresas-filhas têm sede na RMC (Região Metropolitana de Campinas).

A agência detalha ainda que 59% das empresas vinculadas à universidade foram fundadas nos últimos 10 anos. Além disso, o total de fundações subiu 145% entre 2010 e 2020. Só no primeiro semestre de 2021, foram nove novas empresas.

ÁREAS DE ATUAÇÃO

Há empresas-filhas em diversas atividades, como Saúde, Alimentos e Economia Criativa. A maioria, porém, opera no setor de Tecnologia da Informação. Na lista, aparecem ainda Consultoria, Engenharia, Educação, Bem-Estar e Design.

Leia Também

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários