Hemocentro pode ficar sem estoque por baixo número de agendamentos.
Divulgação/Hemocentro Unicamp
Hemocentro pode ficar sem estoque por baixo número de agendamentos.


Leia Também

O número de agendamentos para doação de sangue está abaixo do normal no Hemocentro da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) e, com isso, há risco do estoque acabar até o fim de semana.

A situação causa preocupação pois a unidade pode não atender as demandas de urgência e emergência para alguns tipos de sangue.

Além disso, por conta das festas de fim de ano, existe ainda maior risco de acidentes e a necessidade de transfusões de sangue.

"Tivemos uma queda de aproximadamente 60% no índice de doação. E essa é uma época que deixa a gente realmente muito preocupado. As urgências e emergências continuam acontecendo, os acidentes também. Então, continuamos precisando das doações e as pessoas comparecem menos", disse a médica hematologista Mariana Magnus.

Ainda de acordo com ela, em um dia de atendimento considerado "bom" são mais de 100 coletas. Atualmente, este número é de 30 pessoas agendadas. "Lembrando que em uma parte destes agendamentos as pessoas acabam não comparecendo", disse.

COLETA

Para doar sangue, é possível agendar um horário pelo site do Hemocentro (clique aqui) . A coleta ocorre na Unicamp, no Mário Gatti e em Sumaré.

O horário de atendimento e coleta de sangue está sendo feita de segunda à sexta-feira, das 7h30 às 15h. No sábado, por ser feriado de Ano Novo, não haverá coleta.



É preciso levar um documento original com foto e ser maior de 16 anos. Menores de idade devem estar acompanhados por um dos pais ou um tutor responsável.

COVID-19

Em caso de covid-19 confirmado, é preciso esperar 30 dias após os sintomas para doar sangue. Para outros quadros virais a orientação é aguardar 14 dias.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários