Candidatos com sintomas não devem fazer vestibular da Unicamp.
Divulgação/Unicamp
Candidatos com sintomas não devem fazer vestibular da Unicamp.


Leia Também

A Comvest determinou que estudantes classificados para a 2ª fase do vestibular da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) que apresentarem sintomas de covid-19 ou gripe antes da prova devem desistir do processo. Os testes serão aplicados neste sábado (8) e domingo (9).

A comissão também detalhou o regulamento e reforçou os cuidados que devem ser tomados pelos candidatos nos locais onde as provas serão realizadas no País.

Ao todo, 12.938 candidatos foram aprovados para a etapa, que acontece em 22 cidades. Os estudantes, que vão disputar 2.540 vagas em 69 cursos, não terão direito a uma segunda prova ou à devolução da taxa de inscrição se apresentarem sintomas.

Segundo o diretor da Comvest, José Alves de Freitas, a medida serve para preservar a saúde individual e coletiva de todos os inscritos e garante também a isonomia do processo.

"Os candidatos devem prestar a seleção com a mesma prova e por isso nós não faremos a reaplicação. Não faremos a devolução da taxa, porque o orçamento da prova é pensado a partir do comparecimento de todos", diz o responsável pelo vestibular.



PROTOCOLOS

Os cuidados e protocolos de prevenção aplicados na edição 2021 e na 1ª fase de 2022 estão mantidos. Entre eles, a exigência de uso de máscara, distanciamento de um metro entre todos os candidatos e a recomendação para a higienização das mãos.

Os estudantes podem levar alimentos para as salas de aula e devem abaixar a máscara momentaneamente durante o consumo de produtos como chocolates e barrinhas de cereal. Quem quiser comer um lanche, porém, será levado a uma área aberta e ao ar livre.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários