Bolsa Trabalho: Inscrições para 220 vagas em Campinas são prorrogadas.
Carlos Bassan/PMC
Bolsa Trabalho: Inscrições para 220 vagas em Campinas são prorrogadas.


A Prefeitura de Campinas informou nesta terça-feira (8) que prorrogou até o dia 11 de fevereiro as inscrições para as 220 vagas do programa Bolsa Trabalho. A medida acontece após o governo paulista ampliar o período de cadastro, que se encerraria ontem (7).

Segundo o Cpat (Centro de Apoio ao Trabalhador) de Campinas, até o último relatório, 1.047 pessoas já tinham se inscrito para o programa.  No último ano, 220 pessoas foram beneficiadas na cidade com o programa. 

Os bolsistas selecionados vão prestar serviços em órgão municipais por cinco meses, com carga horária de quatro horas diárias, cinco dias por semana, recebendo um auxílio de R$ 540 por mês. Além disso, deverão fazer um curso de qualificação. 

COMO ADERIR

Podem ser inscrever moradores de Campinas, desempregados, maiores de 18 anos e com renda familiar de até R$ 550 por pessoa. 

As inscrições devem ser feitas até o dia 11 de fevereiro de 2022 pelo site www.bolsadopovo.sp.gov.br .

O PROGRAMA

O Bolsa Trabalho tem objetivo de ajudar a população desempregada, principalmente mulheres, gerando renda, ocupação, qualificação e empregabilidade para a população mais vulnerável, com apoio das prefeituras.

Em Campinas, são 220 vagas oferecidas. Os participantes do programa serão selecionados por meio da análise do questionário respondido no momento da inscrição.  

Mulheres arrimos de família são o grupo prioritário do programa. Também são levados em conta encargos familiares, tempo de desemprego e idade.

APOIO

Quem não tiver acesso à internet poderá fazer a inscrição para o Bolsa Trabalho na Estação Cultura até o dia 11 de fevereiro, das 13h às 16h, onde funcionários do Centro Público de Apoio ao Trabalhador de Campinas vão prestar auxílio.  

Leia Também

O serviço foi instalado no local para evitar aglomerações e permitir o distanciamento social. A Estação Cultura está localizada na Praça Marechal Floriano Peixoto, próxima ao Terminal Central.

CURSOS DE QUALIFICAÇÃO

Os participantes deverão fazer um dos seis cursos profissionalizantes pela internet da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp) que terão carga horária total de 80 horas.

Opções:

- Auxiliar de Controle de Produção e Estoque;

- Gestão Administrativa;

- Gestão de Pessoas;

- Organização de Eventos;

- Rotinas e Serviços Administrativos;

- Secretariado e Recepção.


ETAPAS

Depois da inscrição, será o período de seleção e divulgação dos contemplados no Diário Oficial do Estado. O Cpat (Centro Público de Apoio ao Trabalhador de Campinas) receberá os termos de adesão das pessoas selecionadas.

Após isso, haverá definição dos locais de trabalho dos bolsistas pela secretaria de Gestão e Desenvolvimento de Pessoas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários