SUS municipal de Campinas continua com UTI lotada (Foto ilustrativa).
Reprodução/Ministério da Saúde
SUS municipal de Campinas continua com UTI lotada (Foto ilustrativa).


Campinas chegou nesta quarta-feira ao quarto dia seguido com 100% de ocupação nos leitos de unidade de terapia intensiva (UTI) do SUS municipal . Desde sábado, todos os 120 leitos disponíveis das unidades de saúde administradas pelo município estão ocupados.

Por outro lado, houve uma leve melhora na situação dos leitos de UTI do SUS estadual, integrado pelo Ambulatório de Especialidades Médicas (AME) e pelo HC da Unicmamp.

Na segunda-feira, 53 dos 57 leitos de UTI estavam ocupados, taxa de 92,98%. Nesta terça, três leitos foram desocupados, e agora a rede estadual tem 50 ocupados e sete livres, taxa de 88% de ocupação.

Leia também: Grupo busca doações para ajudar gestantes de Campinas na quarentena

De qualquer maneira, o número total de ocupação subiu de 86,83% para 88,05%, já que houve aumento na demanda por leitos de UTI da rede privada, que 141 leitos, dos quais 110 estão ocupados, o que equivale a 78%. Um dia antes, 104 leitos estavam ocupados.

Casos

Campinas  registrou nas últimas 24 horas, entre segunda (15) e terça-feira (16) mais  404 infectados pelo novo coronavírus e 15 mortes causadas pela  Covid-19 . São os números mais altos já anunciados em um mesmo balanço da Prefeitura, tanto de confirmações de casos quanto de óbitos.

Com isso, o total de casos confirmados subiu 3.988 para 4.392, enquanto o total de mortos aumentou de 149 para 164. Já o número de recuperados é de 3.235, com o acréscimo de 243 pessoas.

    Veja Também

      Mostrar mais