Ocupação das UTIs em Campinas continua aumentando
Divulgação/Unicamp
Ocupação das UTIs em Campinas continua aumentando


Campinas atingiu, nesta quarta-feira (24), 90,16% de ocupação em leitos de UTI para pacientes com Covid-19 , somando as redes pública e privada. Dos 356 leitos, apenas 35 estão livres, enquanto os 321 restantes estão ocupados.

As UTIs do Sistema de Saúde Universal (SUS) municipal continuam com 100% de ocupação, com todas as 123 vagas preenchidas com pacientes, situação que se estende desde o dia 13 de junho. 

Leia também:

No SUS estadual , que tem 76 leitos distribuídos entre HC da Unicamp e Ambulatório de Especialidades Médicas (AME), houve um grande aumento. A ocupação subiu de 67 pessoas para 72, taxa de 95%, com apenas quatro vagas disponíveis. A procentagem de lotação na rede pública, na soma de UTIs estaduais e municipais, é de 98%.

Já na rede privada a taxa de ocupação caiu de 81% para 80%, mas o número de leitos ocupados aumentou. Isso porque houve uma ampliação de UTIs. Na terça-feira, 123 de 152 leitos estavam ocupados. Agora, o número de internados em UTIs particulares para Covid-19 é de 126, e o total de leitos subiu para 157, portanto 31 estão vazios.

    Veja Também

      Mostrar mais