ACidade ON

Unicamp pode não utilizar Enem no vestibular 2021.
Unicamp/Divulgação
Unicamp pode não utilizar Enem no vestibular 2021


Após o MEC (Ministério da Educação) decidir, nesta quarta-feira (8), adiar o Enem 2020 para janeiro e fevereiro do ano que vem, a Unicamp avalia não utilizar as notas do Exame como método de seleção em seu próximo vestibular. A decisão final da universidade deve ser divulgada dentro dos próximos dez dias.

Segundo o atual cronograma da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas), a primeira fase do vestibular 2021 deve ser aplicada em dois dias de janeiro, e as provas da segunda fase seriam realizadas em dois dias no mês de fevereiro.

Leia também: Comitê define medidas para retomar aulas presenciais em setembro

Com a mudança nas datas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), que aplicará provas impressas e digitais entre janeiro e fevereiro, o cronograma da Unicamp acaba impactado: a universidade aprovou o início das aulas para o dia 15 de março de 2021, e o resultado do Enem, com a mudança no cronograma, seria divulgado apenas no dia 29 do mesmo mês. 

ENEM 

O MEC determinou hoje o adiamento da prova do Enem por conta da pandemia de novo coronavírus (covid-19). Previsto para novembro deste ano, o exame será agora aplicado de maneira impressa para 5,7 milhões de inscritos nos dias 17 e 24 de janeiro de 2021.

Uma prova digital também será aplicada para 96 mil inscritos nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro. Há ainda datas de aplicação de prova para pessoas que foram afetadas por problemas de estrutura, nos dias 24 e 25 de feveiro.

Com estas datas, previsão do MEC é que os resultados do Enem sejam divulgados no dia 29 de março. 

UNICAMP  

A Unicamp passou a utilizar o sistema de seleção do Enem em 2019, quando 17.977 canditados se inscreveram pelo sistema. No vestibular 2020, foram 17.367 inscritos para 639 vagas oferecidas em cursos de graduação da universidade.

Para o vestibular 2021, a Unicamp separou 645 vagas para ingressão pelo Enem, o que equivale a 20% do total de vagas.

Em nota, a Comvest (Comissão Permanente para os Vestibulares da Unicamp) explica que tem interesse em continuar a utilizar o Exame Nacional como sistema de seleção de vagas, mas, caso o resultado não seja disponibilizado em tempo hábil para o início das aulas - previsto para o dia 15 de março -, as vagas de ingressão pelo Enem serão transferidas para o vestibular da Unicamp.

A Comissão informa ainda que está em contato com a Fuvest e a Vunesp - responsáveis pelo vestibular da USP (Universidade de São Paulo) e Unesp (Universidade Estadual Paulista), respectivamente -, para determinar as datas do Vestibular Unicamp 2021, e que deve tomar um decisão final sobre o Enem em até dez dias.  

    Leia tudo sobre: Enem

    Veja Também

      Mostrar mais