Campinas tem quase 15 mil casos confirmados de Covid-19.
Carlos Bassan / Pref. de Campinas
Campinas tem quase 15 mil casos confirmados de Covid-19.


Campinas registrou, entre quarta (22) e quinta-feira (23), mais 25 mortes causadas pelo Covid-19 e chegou ao total de 603 óbitos . Além disso, foram confirmados 469 novos contaminados pelo novo coronavírus , o que eleva para 14.962 o total de casos confirmados, com 12.890 recuperadas

No que se refere às novas mortes registradas, 12 das vítimas eram homens e 13 eram mulheres. Três não tinham outras doenças e 22 apresentavam comorbidades.

Leia também: Vídeo mostra carro atingido por trem após atropelar ciclista

Com relação à faixa etária, 20 tinham mais de 60 anos e dentre eles: cinco tinham mais de 80 anos, sete de 70 e 79 e oito de 60 a 69. Cinco das vítimas tinham menos de 60 anos, sendo que duas tinham entre 40 e 59 anos e três entre 30 e 39 anos.

Veja os números divulgados nesta quinta-feira (23):

- 603 óbitos (25 novos)
- 27 óbitos em investigação (4 a menos)
- 14.962 casos confirmados (469 novos)
- 699 casos em investigação (32 a menos)
- 24.118 casos descartados (714 novos)
- 12.890 pessoas recuperadas (358 novas)
- 470 internadas (27 novas)
- 999 em isolamento domiciliar (59 novos)

Veja os dados sobre as novas vítimas:

– Homem, de 66 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 19 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 71 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 20 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 38 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 15 de julho em hospital privado. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 70 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 21 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 90 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 12 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 83 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 18 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 41 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 21 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 69 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 19 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 68 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 16 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 73 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 86 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 13 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 79 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 12 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 70 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 17 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 71 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 19 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 68 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 87 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 18 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 62 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 21 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 80 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 14 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 57 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 19 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 71 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 64 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 15 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 38 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 30 de junho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 67 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 32 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 17 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 65 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

    Veja Também

      Mostrar mais