Profissionais medem a temperatura de passageiros no terminal central de Campinas
Emdec
Profissionais medem a temperatura de passageiros no terminal central de Campinas


Campinas registrou, entre segunda (27) e terça-feira (28) mais 25 mortes por Covid-19 , doença causada pelo novo coronavírus, e chegou ao total de 666 vítimas. Já o número de casos confirmadous aumento para 16.926, com 663 novos contaminados.

Entre as vítimas, sete tinham menos de 60 anos. A mais jovem delas é um homem de 28 anos, que tinha outras doenças e morreu no dia 27 de julho, em um hospital pública. Do total dos mortos, três não tinham outras doenças e 22 apresentavam comorbidades.

Leia também: Covid-19: Campinas anuncia testagem em todos os profissionais da saúde

Veja os números divulgadosnesta terça-feira (28):

- 666 óbtios (25 novos)
- 26 óbitos em investigação (78 novos)
- 16.926 casos confirmados (663 novos)
- 637 em investigação (78 novos)
- 27.094 descartados (1.169 novos)
- 14.876 pessoas recuperadas (831 novos)
- 446 internadas (19 a menos)
- 938 em isolamento domiciliar (174 a menos)

Veja os detalhes sobre as novas vítimas confirmadas:

– Mulher, de 61 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 25 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 55 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 24 de julho em hospital público. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 73 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 17 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 71 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 25 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 92 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 26 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 94 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 24 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 60 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 26 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 84 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 27 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 59 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 25 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 82 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 16 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 91 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 24 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 75 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 26 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 62 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 28 de junho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 62 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 25 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 66 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 25 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 38 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 26 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 75 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 25 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 35 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de maio em hospital privado. O exame foi clínico epidemiológico.

– Homem, de 65 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 14 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 85 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 23 de junho em hospital privado. O exame foi clínico epidemiológico.

– Homem, de 65 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 27 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 28 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 27 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 80 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 27 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 49 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 24 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 58 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 27 de junho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

    Veja Também

      Mostrar mais