Campinas tem quase 700 mortes por Covid-19.
Divulgação
Campinas tem quase 700 mortes por Covid-19.


Campinas confirmou nesta quarta-feira (29) mais 16 mortes causadas pela Covid-19 , o que eleva para 682 o total de óbitos. Outros dados, como os casos confirmados, foram divulgados parcialmente, uma vez que, segundo a Prefeitura, houve uma falha no sistema e-SUS do Ministério da Saúde.

Entre as novas vítimas, 14 tinham outras doenças e 13 tinha mais de 60 anos. Desta vez, a lista de óbitos conta com um jovem na faixa etária entre 20 e 29 anos. As outras duas menores de 60 tinham entre 50 e 59.

Leia também: Após quatro meses de suspensão, feira hippie volta no fim de semana

Veja os números divulgados nesta quarta-feira (29):

- 682 óbitos (16 novos)
- 25 óbitos em investigação
- 16.965 casos confirmados
- 749 em investigação
- 27110 casos descartados
- 24 em investigação
- 14.182 pessoas recuperadas
- 463 internadas
- 938 em isolamento domiciliar

Veja os detalhes sobre as novas vítimas confirmadas:

– Homem, de 61 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 24 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 67 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 27 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 53 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 24 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 67 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 18 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 76 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 28 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 69 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 22 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 65 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 27 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 90 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 21 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 69 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 26 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Mulher, de 74 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 24 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 104 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 9 de julho em domicílio. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 76 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 28 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Homem, de 69 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 18 de julho em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

– Homem, de 60 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 27 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 56 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 23 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

– Mulher, de 29 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 27 de julho em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

    Veja Também

      Mostrar mais