Ação da prefeitura de Campinas no Noroeste da cidade.
Gilson Machado / Prefeitura de Campinas
Ação da prefeitura de Campinas no Noroeste da cidade.


Campina s confirmou, em boletim divulgado durante coletiva do prefeito Jonas Donizette (PSB),  nesta quarta-feira (12,) mais 13 óbitos causados pela Covid-19 , o que eleva para 839 o total de vítimas fatais. Enquanto isso, o número de casos confirmados subiu para 22.663, com mais 729 contaminados pelo novo coronavírus e 20.823 pessoas recuperadas.

Das 13 novas vítimas, dez eram homens e três, mulheres. Onze apresentavam outras doenças. Com relação à faixa etária, oito tinham mais de 60 anos (dois eram maiores de 80 anos, três estavam entre 70 e 79 e três, de 60 a 69 anos) e cinco tinham menos de 60 anos, sendo três entre 50 e 59 anos, um entre 40 e 49 e um entre 30 e 39 anos. As mortes aconteceram entre 3 de julho e 11 de agosto.

Leia também: Hospital de campanha é desativado um dia antes do previsto

Veja os números divulgados nesta quarta-feira (12):

- 839 óbitos (13 novos)
- 14 óbitos em investigação (4 a menos)
- 22.663 confirmados (729 novos)
- 727 casos em investigação (11 novos)
- 67.540 descartados (989 novos)
- 20.823 pessoas recuperadas (694 novos)
- 402 internadas (mesmo número de ontem)
- 599 em isolamento domiciliar (22 novos)

Veja os dados sobre as novas vítimas confirmadas: 

- Homem, de 40 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 9 de agosto em hospital privado. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

- Homem, de 87 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 9 de agosto em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

- Homem, de 80 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 3 de agosto em hospital privado. O exame foi clínico e por tomografia.

- Mulher, de 78 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 10 de agosto em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

- Mulher, de 70 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 11 de agosto em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

- Homem, de 78 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 10 de agosto em hospital público. O exame foi feito no instituto Adolfo Lutz.

- Homem, de 58 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 10 de agosto em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

- Homem, de 69 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 11 de agosto em hospital público. O exame foi feito no instituto Adolfo Lutz.

- Mulher, de 54 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 29 de julho em hospital público. O exame foi feito no instituto Adolfo Lutz.

- Homem, de 64 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 3 de julho em hospital privado. O exame foi clínico epidemiológico.

- Homem, de 32 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 8 de agosto em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

- Homem, de 65 anos, que tinha outras doenças. Morreu no dia 10 de agosto em hospital privado. O exame foi feito em laboratório privado.

- Homem, de 58 anos, que não tinha outras doenças. Morreu no dia 11 de agosto em hospital público. O exame foi feito no Instituto Adolfo Lutz.

    Veja Também

      Mostrar mais