ACidade ON

Campinas pode liberar leitos covid para tratamento de outras doenças.
Fernanda Sunega/Prefeitura de Campinas
Campinas pode liberar leitos covid para tratamento de outras doenças.


O prefeito de Campinas, Jonas Donizette (PSB) , que preside a FNP (Frente Nacional de Prefeitos), afirmou hoje (14), durante transmissão nas redes sociais, que quer discutir com o Comitê Estadual da Covid-19 a redução da quantidade de leitos exclusivos para a doença nos municípios.

Segundo Jonas, o assunto já foi discutido com outros prefeitos do Estado, que defendem que os leitos tenham autorização para serem utilizados por pacientes com outras doenças.

"Quero em pouco tempo fazer isso, me incomoda ter leitos vagos, leitos existem para serem ocupados. Se nós percebermos que temos vacância em leitos covid, porque esse leito é só covid, e às vezes tem gente precisando pra outra coisa, então vamos pedir essa transferência", afirmou.

Leia também: Secretário alerta para projeção de alta na taxa de transmissão

Ocupação estável

Segundo os dados divulgados pela Saúde, nesta sexta (14) Campinas tem 85 leitos de covid-19 livres somando as redes pública e particular, o que representa uma taxa de ocupação de 79,32%. Nas últimas semanas, a taxa tem se mantido estável, o que é a justificativa do prefeito para o pedido.

"Por hora mantemos assim, mas hoje são 80 leitos disponíveis, e nós percebemos que essa taxa tem se mantendo estável por um tempo. Então vamos supor, se tem 80, fica com 40 para covid e 40 para outras doenças", afirmou.

De acordo com Jonas a intenção é aprovada por outros prefeitos e deve ser discutida com o Comitê de Contingência da Covid-19, do governo Estadual. Atualmente, a quantidade de leitos disponíveis nas cidades é uma das avaliações para que as regiões avancem de fase no Plano São Paulo.  Na fase amarela, a região de Campinas tem atualmente a taxa de ocupação em 62,9%, segundo dados de ontem (13) da Secretaria de Saúde do Estado.

    Veja Também

      Mostrar mais