ACidade ON

undefined
Reprodução: ACidade ON
Dono de distribuidora é preso por vender alimentos estragados

Uma ação coordenada entre a Polícia Civil e Vigilância Sanitária de Campinas apreendeu na manhã de hoje (18), no Jardim Londres, mais de três toneladas de alimentos estragados em uma distribuidora de carnes. O proprietário do local foi preso em flagrante por prática de crimes contra as relações de consumo. 

Segundo a polícia, o estabelecimento era um grande distribuidor de aves e derivados na cidade, e fazia a aquisição de carnes em abatedouro clandestino, além de armazenar os produtos de maneira irregular. 

Leia também: Profissionais de Educação começam a ser testados na semana que vem

De acordo com a equipe, de três a cinco toneladas de alimentos foram apreendidos por serem impróprias ao consumo humano. No local, que já era alvo de investigações, a Vigilância encontrou produtos sem etiquetas e carnes sem embalagens e sem refrigeração correta.  



Entre os alimentos, foram apreendidas 1,5 tonelada de frango, que era armazenado entre aves inteiras e em pedaços; 140 kg de codorna, 118 embalagens de queijo e mais de 876 cartelas de ovos, além de caixas de linguiças, nuggets e mel. A polícia ainda quantifica o total de alimentos apreendidos. Todos serão descartados.

O flagrante foi conduzido pelos policiais do 11º Distrito Policial de Campinas. Segundo o delegado responsável, Sandro Jonasson, o estabelecimento foi interditado e o dono, além de preso, será multado. 

    Veja Também

      Mostrar mais