ACidade ON

Campinas teve aumento na ocupação de UTIs.
Divulgação/HC Unicamp
Campinas teve aumento na ocupação de UTIs.

Campinas voltou a ter uma crescente no número de pacientes internados em UTIs-Covid, nesta quarta-feira (9), e atingiu o maior número dos últimos dois meses. A divulgação foi feita pela Secretaria de Saúde. 

A taxa de ocupação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) exclusivos para pacientes com covid-19 nas redes pública e particular atingiu o percentual de 79,14%.

Você viu?


Segundo o boletim, hoje 148 das 187 vagas da rede da cidade estão ocupadas - o número mais alto até então foi em 7 de outubro, quando 150 pessoas estavam utilizando leitos na cidade por conta da covid-19.

Os leitos estão divididos da seguinte forma:

SUS Municipal: 74 leitos, dos quais 65 estão ocupados, o que equivale a 87,84%. Há nove leitos livres;

SUS Estadual: 17 leitos, dos quais 13 estão ocupados, o que corresponde a 76,47%. Há quatro leitos vagos;

Particular: 96 leitos, dos quais 70 estão ocupados, o que equivale a 72,91%. Há 26 leitos livres;

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários