Campinas vai inserir menos dados nos boletins diários da Covid-19.
Divulgação
Campinas vai inserir menos dados nos boletins diários da Covid-19.


A Secretaria de Saúde de Campinas confirmou mais nove mortes por Covid-19 , em boletim divulgado nesta quinta-feira (21), o que eleva o total de vítimas para 1.588. Além disso, com o acréscimo de 396 contaminados, o número de casos confirmados chegou a 57.616. Nenhum outro dado foi divulgado, pois a Secretaria resolveu mudar o formato do boletim diário.

De acordo com comunicado enviado pela pasta, óbitos e casos confirmados continuarão sendo atualizados de segunda a sexta. Informações mais detalhadas, entretanto, serão disponibilizadas apenas semanalmente, em Informe Epidemiológico que será divulgado toda sexta-feira.

“A medida visa liberar as equipes que atuavam na compilação dos dados para atuar no processo de vacinação contra a Covid-19”, justificou a Prefeitura.

Até então, além dos números de vítimas e contaminados, o boletim diário da Secretaria continha os seguintes dados: mortes em investigação, casos descartados, casos em investigação, pessoas recuperadas, internadas e em isolamento domiciliar.


Veja os detalhes sobre as novas vítimas confirmadas:

- Mulher de 83 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 15 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Mulher de 75 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 18 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Homem de 68 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 19 de janeiro em hospital público. O exame foi em hospital privado.

Você viu?

- Homem de 67 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 14 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Homem de 71 anos. Não tinha comorbidades. Morreu dia 15 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Mulher de 75 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 17 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Homem de 71 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 12 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Homem de 86 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 16 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Mulher de 92 anos. Não tinha comorbidades. Morreu dia 17 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Homem de 63 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 9 de janeiro em hospital público. O exame foi no laboratório do Instituto Adolfo Lutz.

- Mulher de 67 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 18 de janeiro em hospital público. O exame foi no laboratório do Instituto Adolfo Lutz.

- Mulher de 72 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 19 de janeiro em hospital privado. O exame foi em hospital privado.

- Mulher de 34 anos. Tinha comorbidades. Morreu dia 10 de janeiro em hospital público. O exame foi no laboratório do Instituto Adolfo Lutz

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários