ACidade ON

Educação adia retorno de aulas presenciais para abril
Reprodução: ACidade ON
Educação adia retorno de aulas presenciais para abril

Você viu?

A Prefeitura de Campinas anunciou, na tarde desta quinta-feira (25), o adiamento das aulas presenciais na rede municipal de ensino para o dia 5 de abril. O início estava previsto para a próxima segunda-feira, 1º de março. As aulas vão seguir de forma remota, como acontece desde o dia 8 de fevereiro.

Segundo informou a Secretaria de Educação, a decisão foi tomada com base em considerações feitas pela Secretaria de Saúde. O secretário de Saúde de Campinas, Lair Zambon, já havia se mostrado contra o retorno.

A Prefeitura afirmou que levou em conta a mudança no perfil epidemiológico (com mais jovens sendo afetados pela covid-19), a ocupação de leitos de UTI-Covid de quase 100% no SUS, a suspeita de circulação da nova cepa do coronavírus na cidade e o impacto de circulação de pessoas que o retorno às aulas provocaria.

"O adiamento começou a ser analisado na última segunda-feira, quando o prefeito Dário Saadi anunciou medidas restritivas em Campinas no período noturno, em razão do agravamento da pandemia", informou a nota.

Campinas tem, desde o começo da pandemia, em março de 2020, 1.857 óbitos e também 69.042 moradores que se infectaram com o coronavírus.

NO ESTADO

Ontem a Escola Estadual Jardim Marisa, localizada na região do Campo Belo, em Campinas, suspendeu as atividades presenciais por conta de casos de covid-19. A unidade foi a primeira da cidade a suspender as aulas.


Até então, a maior suspensão de atividades presenciais em uma unidade estadual de Campinas ocorreu na Escola Estadual Antônio Carlos Pacheco e Silva, do Parque São Jorge, onde uma turma foi encaminhada para fazer atividade remota.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários