Ossada fica exposta no Cemitério da Saudade, em Campinas
Reprodução: ACidade ON
Ossada fica exposta no Cemitério da Saudade, em Campinas

Um túmulo do Cemitério da Saudade, em Campinas , está com uma ossada exposta devido à falta de manutenção no local. Além disso, o mato alto tomou conta do maior cemitério da cidade . A Setec (Serviços Técnicos Gerais) informou que há estudos para viabilizar arrecadação de verba para manutenção.

A foto do túmulo, que fica próximo ao Santuário do Senhor Tranca Rua das Almas, foi feita na última sexta-feira (5). O autor, que preferiu não se identificar, contou que essa situação não foi a única que chamou atenção no cemitério.

"O cemitério está com uma série de túmulos quebrados, há furtos e muito matagal ali próximo. Muitas coisa destruída. O próprio caminho onde as pessoas transitam está bem precário", disse.

Você viu?

O autor da foto disse que o crânio era o mais exposto, mas era só chegar mais próximo do túmulo, que dava para ver a ossada inteira.

A SETEC

Procurada, a Setec informou que contava com a mão-de-obra dos reeducandos, e devido à pandemia eles não podem sair para trabalhar. "Com relação ao mato, além do problema dos reeducandos, nessa época cresce muito rápido devido ao volume de chuvas. Nossas equipes estão trabalhando diariamente para fazer a manutenção", diz a nota.

Além disso, informou também que a Prefeitura está com um processo de licitação aberto para contratação de uma empresa que atua nessa área, e que também dará suporte à Setec em seus cemitérios.


Em relação aos túmulos quebrados, a Setec informou que essa responsabilidade da manutenção é das famílias. Sempre que ocorre a necessidade dessa manutenção, a família é avisada e cabe à mesma providenciar o conserto.

Em 2018, a Prefeitura tinha planos de começar uma cobrança do chama IPTU dos Mortos. O projeto incluía uma cobrança de uma taxa anual para os cemitérios municipais de Campinas. Ele foi descartado e nunca mais voltou a ser ventilado.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários