RMC terá barreiras sanitárias durante feriadão.
Carlos Bassan
RMC terá barreiras sanitárias durante feriadão.

As barreiras sanitárias na região de Campinas para impedir a circulação de pessoas durante o feriadão da capital terão um questionário para que o turista justifique sua viagem. A decisão foi anunciada hoje após reunião dos prefeitos dos 20 municípios da RMC ( Região Metropolitana de Campinas ) e a restrição é válida a partir de sexta-feira (26) até o dia 4 de abril.

As barreiras serão montadas nas principais entradas das cidades, com fiscalização feita pela Guarda Municipal e apoio da Polícia Militar e das Vigilâncias Sanitárias. O foco da abordagem será em carros com placas de São Paulo e da grande São Paulo.

Os horários e pontos das barreiras serão definidos por cada cidade, com sugestão pra realizar os bloqueios no início da manhã e no fim da tarde. Em Campinas, a Prefeitura informou que os pontos e horários não serão anunciados para garantir a eficácia da medida, mas devem ocorrer durante todo o dia.

"As pessoas que não tem justificativa serão orientadas a voltar para suas residências de origem. As pessoas devem justificar do ponto de vista do que veio fazer em Campinas. Se for morador, será liberado imediatamente. Se for de fora, terá que justificar o motivo da viagem", disse o prefeito Dário Saadi (Republicanos).

Você viu?

VEJA AS REGRAS

- Prioridade nas principais entradas das cidades

- Foco nas placas de veículos de São Paulo e Grande SP

- Ação conjunta entre as 20 cidades

- Uso de questionário para que turistas justifiquem as viagens

- Horários serão definidos por cada município

FISCALIZAÇÃO

Para ajudar na fiscalização, os municípios que têm câmeras inteligentes - como Campinas - usarão esses sistemas com leitura de placas para identificar a origem dos veículos. A polícia também deve auxiliar nessa identificação.

A decisão de montar as barreiras ocorreu ontem , após os prefeitos mostrarem preocupação com o aumento de casos de covid, a superlotação dos leitos de UTI e a antecipação de feriados em São Paulo, que pode gerar um aumento do fluxo de turistas nas cidades da região.


Na cidade de São Paulo, o prefeito Bruno Covas (PSDB) anunciou na última semana a antecipação de cinco feriados a partir da próxima sexta-feira (26). Com a medida, a capital emendou e fica sem dias úteis de sexta até dia 4 de abril. A medida foi municipal, e no Estado o governo ainda não anunciou nenhuma medida semelhante.

Na RMC, a antecipação de feriados foi descartada, sendo que os prefeitos alegaram risco de aumentar número de festas e aglomerações durante o período .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários