Campinas sem Fome: cidade arrecadou cerca de 170 toneladas de alimentos
Reprodução: ACidade ON
Campinas sem Fome: cidade arrecadou cerca de 170 toneladas de alimentos

A Prefeitura de Campinas anunciou que, nos primeiros 15 dias da campanha Campinas sem Fome foram arrecadados 170 toneladas de alimentos . Até agora, cerca de 20 mil pessoas já receberam os mantimentos. 

Os produtos arrecadados são encaminhados ao Banco de Alimentos. Depois, as cestas serão distribuídas para as famílias em situação de vulnerabilidade social pelas organizações da sociedade civil e instituições religiosas que estão localizadas nos diferentes territórios do município. São 145 entidades parceiras.

Segundo a secretária de Assistência Social, Vandecleya Moro, hoje há 32 mil famílias inscritas. "É importante que as pessoas continuem doando para que mais pessoas sejam atendidas", disse.

Você viu?

Neste final de semana vai ocorrer o Dia D, uma força-tarefa no Palácio dos Jequitibás, para mobilizar toda a população. "Nos dias 10 e 11 de abril, das 9h às 17h, todos os cidadãos poderão colaborar com a campanha Campinas sem Fome, deixando sua doação no Paço Municipal, onde uma equipe vai receber os produtos", explicou Vandecleya.

A Prefeitura também disponibilizou 18 postos de arrecadação. Com isso, as pessoas podem levar suas doações nas sedes das Administrações Regionais (ARs), no Banco de Alimentos, na Lagoa do Taquaral, no Bosque dos Jequitibás, no Mercado de Flores da Ceasa.

As pessoas que desejarem contribuir, mas preferem não sair de casa podem entrar em contato pelos telefones do Banco de Alimentos (19) 3746 -1063 ou pelos telefones da Sanasa (19) 3735-5400 ou 9.8455-0377.


COMO RECEBER

As famílias que estejam precisando de alimentos devem se cadastrar pelo aplicativo Viva Vida. "Basta baixar o APP no celular e se inscrever. A partir desse cadastro, que hoje conta com 25 mil famílias inscritas, as entidades parceiras que estão no território enviarão uma mensagem de texto, via SMS, para que a pessoa cadastrada possa retirar a cesta no local mais próximo da sua casa", detalhou a secretária.

Quem tiver dificuldade com o aplicativo pode entrar em contato pelo telefone (19) 3734-2010. A campanha é direcionada a famílias em vulnerabilidade social e nutricional que vivem em situação de extrema pobreza e em situação de pobreza no município.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários