Toque de Recolher: ação em Campinas fiscaliza 21 estabelecimentos
Reprodução: ACidade ON
Toque de Recolher: ação em Campinas fiscaliza 21 estabelecimentos

A Operação Toque de Recolher, de Campinas, fiscalizou, entre a noite de sexta-feira (11) e a madrugada deste sábado (12), 21 estabelecimentos comerciais na cidade. Desta vez não foi lacração ou multas. 

De acordo com a Prefeitura, foram fiscalizados estabelecimentos como padarias, lanchonetes, espetarias, restaurantes, hortifruti, supermercado, cafeteria, empório de bebidas, doceria, cafés, praça de alimentação de shopping, empório de bebidas e pastelaria nos bairros Santa Genebra, Chácara Primavera, Mansões Santo Antônio e Loteamento Vila Bela.

Nessas inspeções foi lavrado um auto de infração para uma lanchonete pelo não fornecimento de máscaras aos funcionários, pelo fato de os funcionários não estarem utilizando máscaras e pela ausência de placas e sinalizações sobre o uso obrigatório de máscaras no local.

Você viu?

No shopping foi realizada uma conversa com a administração do local, em virtude de denúncias de aglomeração na praça de alimentação aos finais de semana.

No local há controle de fluxo de entrada/circulação de pessoas, mas foi solicitada a apresentação de um plano de contingência à Visa (Vigilância em Saúde).

OPERAÇÕES 

A ação é feita das 21h às 5h, e será voltada para regiões com concentração de bares. As fiscalizações mobilizaram servidores da Secretaria de Planejamento e Urbanismo (Seplurb), Serviços Técnicos Gerais (Setec), Vigilância Sanitária, do Devisa, Defesa Civil e Procon (Defesa de Proteção ao Consumidor), com apoio da Guarda Municipal.


Além disso, serão montadas na cidade toda barreiras sanitárias para dar orientação a pessoas. Os detalhes sobre os locais, horários e efetivo não serão divulgados para garantir a efetividade da ação.

MULTAS

Durante transmissão nas redes sociais de sexta-feira (11), o prefeito de Campinas, Dário Saadi (Republicanos) o divulgou que vai dobrar o valor de multa a estabelecimentos e comércios que descumpram as regras. A punição vai passar de R$ 3 mil para R$ 6 mil.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários