Ouro Verde converte 10 leitos de UTI/Covid para atendimento geral
Reprodução: ACidade ON
Ouro Verde converte 10 leitos de UTI/Covid para atendimento geral

O Hospital Ouro Verde de Campinas converteu, nesta quinta-feira (22), 10 leitos de terapia intensiva covid-19 para UTI geral de atendimento a pacientes graves com outras patologias.  

A decisão foi tomada em função da redução nos casos graves de covid-19 com necessidade de uma estrutura de tratamento intensivo. 

No Hospital Mário Gatti já havia ocorrido a reversão de 20 leitos, somando agora um total de 30 leitos desmobilizados desde a última semana. 

Com as mudanças, o SUS (Sistema Único de Saúde) de Campinas passa a contar com 136 leitos de UTI covid, sendo: 

- Hospital Mário Gatti - 30 leitos 

- Mário Gatti-Amoreiras (antigo Metropolitano) - 15 leitos 

- Hospital Ouro Verde - 45 leitos 

- Rede conveniada - 46 leitos  

Você viu?

RECUPERAÇÃO

Nos últimos dias vem ocorrendo uma diminuição na demanda por leitos de UTI de internações por covid. Embora ainda haja muitos pacientes internados, os gripários seguem com movimento ainda importante, mas com pacientes com menor gravidade.  

De acordo com a secretaria da Saúde, a situação está sendo monitorada diariamente para garantir leitos tanto para pacientes infectados pelo coronavírus quanto aqueles com outras doenças. 


CASOS 

A secretaria de Saúde de Campinas confirmou nesta ontem mais 17 óbitos de covid-19 e 522 novos casos. Com isso, o registro total é de 4.020 mortes desde o começo da pandemia de coronavírus. O número de moradores infectados é de 123.931.

Na quarta-feira, Campinas ultrapassou a marca de 4 mil mortes de covid. O último marco, de 3 mil mortes, ocorreu no dia 29 de abril. Na época, a cidade já havia perdido 3.005 vidas para o coronavírus e 92.272 tinham sido infectadas.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários