Vera Cruz Campinas bate Mesquita/LSB e encara Ituano Basquete nas semifinal
Reprodução: ACidade ON
Vera Cruz Campinas bate Mesquita/LSB e encara Ituano Basquete nas semifinal

Você viu?

Pela terceira vez seguida, o Vera Cruz Campinas está nas semifinais da LBF (Liga Basquete Feminino. A equipe paulista venceu a Sodiê Doces/Mesquita/LSB por 87 a 73 no jogo de desempate das quartas de final nesta terça-feira (27), em Campinas, e vai enfrentar o Ituano Basquete na próxima fase.

O campeão de 2018 contou com um show de Tassia, que marcou 32 pontos, foi a mais eficiente do duelo e a vencedora do troféu GOL Linhas Aéreas de Melhor Jogadora da Partida.

Outra que brilhou foi Babi. A armadora pentacampeã da LBF anotou o seu primeiro triplo-duplo em 10 temporadas na liga, com 12 pontos, 10 rebotes e 10 assistências.

Pelo grupo do Rio de Janeiro, Juliana Ribeiro foi a maior anotadora, com 18 pontos. A francesa Jessy Gneneka registrou um duplo-duplo de 14 pontos e 12 rebotes. Cestinha do campeonato, Thayná foi bem marcada e não conseguiu decidir a favor da LSB, saindo de quadra com 13 pontos. A equipe carioca não contou com a armadora Maria Luisa, que sofreu uma torção no tornozelo no jogo 2 e foi poupada.

Na semifinal, o time campineiro reedita as duas últimas finais do campeonato paulista contra um Ituano bastante diferente dos estaduais, dono da melhor campanha da primeira fase e que despachou o AEC/Tietê Agroindustrial/BAX Catanduva nas quartas. Sampaio Basquete e KTO/Blumenau estão na outra série que decide um dos finalistas da temporada e que começa no sábado, 31.

COMEÇOU EQUILIBRADA

A partida decisiva começou equilibrada, com bom aproveitamento de ambos os lados, trocas de liderança e 22 a 19 para as donas da casa na primeira parcial.

No segundo período, as comandadas do técnico Borracha assumiram as rédeas do jogo, com Tassia puxando a pontuação, acompanhada por Nonato e Yasmim. No intervalo, era de 13 a vantagem campineira.

A Sodiê Doces/Mesquita/LSB voltou melhor do descanso, com duas cestas de Rayane e uma bola de três de Ribeiro que cortaram a diferença para apenas 4 pontos, ao passo que Maila, também de três, mantinha as campineiras com uma ligeira folga na frente.



TERCEIRO E QUARTO PERÍODOS


Na maior parte do terceiro período, a diferença ficou em apenas uma posse de bola, mas o Vera Cruz fechou o quarto com uma corrida 9-2 para ter 67 a 58 no placar geral, mesmo perdendo Maila, excluída com cinco faltas.

No quarto decisivo, predominaram a experiência e a noite inspirada de Tassia e Babi, que seguiram comandando o jogo para não deixar as fluminenses buscarem mais o placar. (Com informações da LBF).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários